Meu Primeiro Imóvel

Planejamento financeiro para quem vai comprar imóvel em consórcio

Você sabe como se planejar financeiramente para entrar em um consórcio imobiliário? Confira nosso post e descubra!

A compra do primeiro imóvel costuma ser uma etapa importante na vida das pessoas, e, além de ser a realização de um sonho, é também um grande investimento. Existem diversas maneiras pelas quais é possível comprar um imóvel: desde a aquisição à vista até o financiamento imobiliário. Porém, é uma terceira alternativa, o consórcio, que vem conquistando cada vez mais os potenciais compradores.

A compra por meio de consórcios vem mostrando ser uma alternativa de compra programada bastante popular entre público brasileiro, principalmente, para aqueles que desejam adquirir imóveis com um custo mais baixo e ter possibilidades melhores de pagamento e planejamento.

Porém, para participar de um consórcio, é essencial fazer um planejamento financeiro e organizar corretamente seu orçamento. Ficou interessado em conhecer mais sobre o assunto? Continue a leitura do nosso post!

O funcionamento do consórcio de imóveis

consórcio imobiliário é uma modalidade de financiamento, tipicamente brasileira, criada para facilitar o pagamento de quem deseja adquirir algum imóvel. Ele funciona da seguinte forma: uma instituição financeira, que é a administradora do consórcio, reúne certo número de pessoas que possuem o objetivo em comum de comprar o mesmo bem — um apartamento, por exemplo.

Essas pessoas se organizam para comprar juntas imóveis para todos os membros do grupo. Os pagamentos são divididos em prestações pagas mensalmente. Assim, todo mês, o dinheiro pago por todos os participantes é reunido e usado para que, pelo menos, uma pessoa do grupo possa fazer a aquisição.

A escolha dessa pessoa a ser contemplada com o imóvel é feita todo mês, mediante a um sorteio entre todos os consorciados que estiverem em dia com o pagamento. Ou seja, você contribui com um valor mensal referente à sua parcela e recebe uma carta de crédito para comprar seu imóvel quando for sorteado.

É um processo que pode demorar, pois para ter o direito de receber imóvel é necessário sorte, mas se a pessoa não quiser depender disso, existe outra opção. Ela poderá dar um lance e caso esse seja o vencedor  a cota é contemplada e o cliente consegue antecipar o recebimento da sua carta de crédito.

As vantagens do consórcio imobiliário

O consórcio se diferencia de outras modalidades de financiamento, justamente, por apresentar características que tornam a negociação bem mais vantajosa para clientes. São elas:

Solução mais econômica

No consórcio se pratica parcelas mais baratas do que em um financiamento comum, além da ausência da cobrança de juros, de IOF, e do pagamento de um valor de entrada. Os únicos custos são apenas uma taxa administrativa, contratação de seguro e fundo de reserva, diluídos durante todo o período de pagamento. Por exemplo, uma taxa de administração de 20% em um consórcio de 180 meses representará apenas 0,1111% ao mês.

Flexibilidade

Existem diversos tipos de consórcio imobiliário, com planos de prazos e créditos variados. Também existe a possibilidade de antecipar, reduzir ou até mesmo quitar as parcelas da compra a qualquer momento. Além disso, o uso do FGTS para pagamento e quitação de parcelas é permitido.

Segurança

O sistema de consórcios brasileiro é regulado pelo Banco Central do Brasil e possui uma lei própria regulamentando suas atividades, garantindo segurança e confiabilidade para seus participantes. 

Compra planejada

Os compradores interessados em um consórcio têm a oportunidade de se programarem, adquirindo bens e contratando serviços de acordo com suas necessidades e capacidade de pagamento.

O consórcio pode ser considerado como uma poupança forçada, isso pode ajudar o comprador a entender melhor a importância de poupar para atingir objetivos, transformando a ação de economizar em um hábito.

A importância do planejamento financeiro para adquirir um consórcio

Os consórcios são certamente uma alternativa atrativa para quem pensa em adquirir um imóvel. Mas antes de escolher essa opção, o interessado deve se planejar com cuidado. O fato de não se cobrar juros não significa que os custos envolvidos em um consórcio não mereçam atenção. Dependendo de como as parcelas e as taxas são cobradas, os valores a serem pagos podem sim ficar elevados para seu bolso e isso exige cautela.

Uma situação que deve ser analisada é a capacidade de pagamentos das prestações. Atrasar o pagamento das parcelas acarretará dificuldades aos participante, por isso, ele deve ser evitado a todo custo. Deixar as parcelas se acumularem pode criar uma verdadeira avalanche de multas e juros por atraso.

Além disso, quando um participante está inadimplente, ele passa a não poder participar de sorteios ou de dar lances por cartas de crédito. Por outro lado, se ele já tiver sido contemplado, poderá ter sua contemplação cancelada pela administradora. Em caso de já estar em posse do imóvel, também poderá ser executada as garantias acordadas em contrato, além da cobrança de multa e juros.

Ou seja, o sonho de adquirir o seu imóvel pode se tornar um pesadelo, pois o consorciado, além de ver sua dívida crescer, pode acabar sem o seu imóvel.  Por isso, é essencial que antes de fechar um contrato de consórcio se faça as contas para ver se as prestações realmente podem caber em seu orçamento sem nenhuma dificuldade.

Dicas de como fazer o planejamento financeiro para um consórcio imobiliário

Existem algumas dicas para que você possa fazer um planejamento financeiro eficiente, confira-as a seguir!

- Não entre no consórcio por impulso ou pressa. Planeje e avalie melhor todas as suas alternativas, e se for possível, aguarde pelo melhor momento.

- Monte um planejamento financeiro mensal e se programe para fazer o pagamento das prestações em dia. Se esforce ao máximo para não atrasar suas parcelas.

- Poupe pelo menos 25% do valor do imóvel, para que seja possível dar o lance e conseguir uma carta de crédito sem precisar depende só da sorte.

- Certifique-se de que tudo que foi acordado está definido no contrato do consórcio. Leia atentamente as cláusulas do contrato e tire todas as dúvidas com relação a taxas e condições de pagamento.

- Confira qual é número de cotistas, prazo do consórcio, valor da carta de crédito, custos das taxas de adesão, administração e fundo de reserva.

- Estude como funciona o sistema de lances e todas as regras do sorteio.

- Não deixe de participar das assembleias e se mantenha informado sobre o andamento do consórcio.

Se bem utilizado, o consórcio imobiliário é uma ótima opção!

A melhor forma de conquistar seus sonhos é se preparar bem. Escolher o caminho certo para alcançar seus objetivos é mais do que essencial. Para quem se planeja e pensa no futuro, o consórcio é uma ótima alternativa para adquirir um imóvel.
Simule Seu Consorcio