Tudo Sobre Consórcio

Consórcio: um investimento flexível e atraente

O consórcio pode ser a melhor opção para você sair do aluguel e comprar um imóvel. Clique aqui e descubra o porquê

Praticamente todo mundo tem um sonho na vida: um apartamento, uma casa de praia ou até mesmo um veículo. Porém, nem sempre é possível juntar o dinheiro necessário para realizar esses desejos. A conjuntura econômica não está das mais favoráveis e a crise pegou muita gente de jeito. Dentro dessa realidade, o consórcio surge como um investimento flexível e bastante atraente.

Ao contrário de outras formas de obter crédito ou financiamento, essa modalidade é altamente vantajosa sob os mais diversos aspectos. O participante não apenas sabe ao certo quanto vai pagar, como tem diversas possibilidades, como dar um dos famosos lances ou até mesmo de mudar de bem ou serviço, desde que estejam dentro do mesmo segmento.

Ficou interessado? Então, confira o conteúdo a seguir e descubra alguns dos benefícios de entrar para um consórcio:

O consórcio não tem juros

Um dos principais motivos que tornam o consórcio um investimento flexível e atraente é que essa modalidade não sofre a incidência de juros em suas prestações. Isso quer dizer que, ao contrário de financiamentos e empréstimos comuns, o custo financeiro é menor e você pode saber o verdadeiro preço do bem que está adquirindo desde o começo.

Os valores serão divididos integralmente entre os participantes do grupo e o valor das mensalidades está preestabelecidas em contrato.

Como é uma espécie de autofinanciamento, no qual o capital total para pagar pelo prêmio advém da soma dos pagamentos dos membros do grupo, a única taxa extra a ser quitada é a de administração, que costuma ser baixa. Dessa maneira, fica muito mais simples fazer um planejamento financeiro e pagar os seus boletos sem que isso implique no comprometimento do seu orçamento mensal.

A burocracia é muito menor

Os bancos e instituições financeiras têm um processo extremamente rigoroso para conceder empréstimos para os solicitantes, pois querem resguardar seu patrimônio a todo custo. Além de uma extensa papelada, muitas dessas empresas fazem uma verdadeira pesquisa sobre a vida da pessoa. Quem tem nome sujo, por exemplo, fica praticamente sem nenhuma chance de obter crédito.

O consórcio não é assim e esse é mais um motivo para que você enxergue essa modalidade como um investimento flexível e atraente. A burocracia é muito menor e a administradora costuma simplificar bastante todo o processo, pois tem total interesse em garantir a participação de quem está interessado.

Além disso, não há quase nenhuma restrição na adesão ao grupo. A papelada é básica e o consorciado só passa por uma avaliação no momento da contemplação.

As opções são variadas

Muita gente acha que o consórcio é bem limitado e oferece poucas alternativas para os participantes. No entanto, isso é um tremendo erro, pois essa modalidade faz exatamente o oposto.

Há possibilidade de participar de um autofinanciamento para praticamente tudo: casas, apartamentos, terrenos, imóveis comerciais, carros, motos, barcos ou até mesmo cursos. Algumas versões ainda podem envolver a construção ou reforma de imóveis.

Acredite, existe um consórcio para quase tudo o que você imaginar. Basta achar a administradora certa. Nos dias de hoje, por exemplo, está muito em moda a reunião de grupos de consórcio para a contratação de serviços como viagens, especializações educacionais ou até mesmo cirurgias plásticas!

Os valores são atualizados

Você pode ter a errônea impressão de que os valores do consórcio não são atualizados, especialmente porque essa modalidade não tem a incidência de juros. Porém, esse é mais um mito que muita gente acredita sobre esse tipo de investimento. O fato é que as quantias são sempre reajustadas, de forma a garantir o poder de compra de todos, tanto do primeiro quanto do último sorteado.

Essa ação é fundamental, pois alguns grupos duram anos e, sem esse reajuste, as últimas cartas de crédito ficariam defasadas. Vale lembrar que os critérios de atualização do montante estão previstos previamente no contrato e eles podem variar de acordo com a administradora que está prestando o serviço e o segmento do qual o consórcio faz parte.

A flexibilidade é grande

Como dissemos no título, o consórcio é um investimento flexível e atraente. No momento em que recebe a carta de contemplação, ao contrário do que muitos pensam, o participante não está restrito a um único bem. Ele pode comprar qualquer produto ou solicitar qualquer serviço, desde que eles pertençam à classe do seu grupo de autofinanciamento.

Isso quer dizer, por exemplo, que quem entrou em um consórcio para a aquisição de um carro pode usar a sua verba para comprar qualquer outro veículo, como uma moto, caminhão ou até mesmo um barco.

Também é possível escolher entre novo e seminovo, visto que todos esses são exemplos de bens móveis e que fazem parte da mesma categoria, de acordo com a determinação do Banco Central sobre o tema.

Outro ponto que garante a flexibilidade é que o cliente pode escolher o prazo de pagamento que mais se encaixa em suas necessidades e expectativas. Enquanto algumas administradoras oferecem doze meses para seus grupos, outras empresas chegam a ultrapassar os cem meses para a quitação do valor total.

É possível antecipar o recebimento

Por fim, não podemos deixar de falar sobre as possibilidades de antecipação do recebimento que o consórcio oferece para os seus participantes. Além dos tradicionais sorteios que ocorrem normalmente todos os meses, nos quais qualquer consorciado pode ser contemplado, há ainda a possibilidade de fazer um lance.

Os lances servem para acelerar esse processo e aumentam as chances de receber o crédito para quem ainda não foi contemplado. Para que a pessoa possa receber a sua carta de crédito por meio dessa estratégia, é preciso que a sua oferta seja a vencedora naquela assembleia, liberando, assim, os recursos para a aquisição do bem ou serviço desejado.

E agora, entendeu os motivos para o consórcio ser um investimento flexível e atraente para praticamente todos os bolsos? Essas são apenas algumas das inúmeras vantagens dessa modalidade.

Gostou do conteúdo? Quer aprender um pouco mais? Então, confira também o nosso artigo sobre investimentos seguros e como aplicar em imóveis fugindo dos riscos do mercado!