Tudo Sobre Consórcio

Saiba quais os principais cuidados ao contratar um consórcio

Listamos os principais cuidados que você deve tomar antes e depois de contratar um consórcio.

O consórcio é uma das formas de aquisição de bens e serviços mais populares para adquirir a casa própria ou comprar um carro novo. No entanto, é preciso tomar alguns cuidados para não sair em desvantagem neste processo. Pensando nisto, listamos os principais cuidados que você deve tomar antes e depois de contratar um consórcio. Confira!

Antes de escolher o consórcio

Antes de contratar um consórcio, avalie se esta é a melhor opção para você investir o seu dinheiro.

Seja para adquirir um imóvelum carroconstruir ou reformar a sua casa, não se esqueça de que, como tudo na vida, há vantagens e desvantagens nesta modalidade.

O consórcio é vantajoso porque, geralmente, a sua taxa de administração é mais baixa do que os juros cobrados no financiamento bancário, apresenta parcelas com valores mais flexíveis e não é necessário pagar nenhum valor de entrada para dar início aos pagamentos.

Por outro lado, você pode ter que esperar um pouco mais para adquirir o bem desejado, pois no consórcio você consegue utilizar a carta de crédito apenas quando é contemplado e a contemplação pode ser por sorteio, ou por lance, que nada mais é que a antecipação de parcelas.

Por isso, avalie calmamente as regras gerais dos consórcios e monte o seu próprio cronograma financeiro.

Cuidados ao escolher a administradora do consórcio

Agora que você já se decidiu em relação ao consórcio, é preciso tomar alguns cuidados antes de escolher a administradora do grupo do consórcio. O principal cuidado, neste sentido, é se certificar de que a administradora do consórcio está registrada no Banco Central do Brasil.

Isto porque o Banco Central fiscaliza as atividades das instituições registradas, o que evitará que você participe de consórcios inexistentes ou fraudulentos.

E o Banco Central ainda fornece ao consumidor um ranking das administradoras de consórcio, que as posiciona de acordo com número de reclamações solucionadas e perguntas frequentes respondidas.

Diante desta fiscalização, o consorciado que se sentir lesado ou que verificar alguma irregularidade nas atividades da administradora, poderá registrar reclamações e tirar dúvidas através do telefone ou do site do Banco Central.

Por fim, é importante também verificar a existência ou a quantidade de reclamações existentes em relação à administradora no site do Procon, ou em outros sites especializados neste tipo de serviço, para que você tenha um parâmetro na hora de escolher com qual empresa contratará o consórcio.

Cuidados ao contratar um consórcio

Depois de verificar a situação da administradora e tomar a decisão de contratá-la, é necessário observar alguns cuidados básicos para contratar um consórcio. Confira a seguir os principais:

Prazo de duração

Verificar o prazo de duração do seu consórcio, que varia de acordo com o bem a ser adquirido. Para automóveis, por exemplo, o prazo varia de 50 a 100 meses, enquanto para aquisição de imóveis, o prazo pode durar até 180 meses.

Contrato de adesão

Ler atentamente o contrato de adesão do consórcio é um cuidado imprescindível, pois é neste documento que constam todas as regras que regerão a relação entre consorciado e administradora.

O contrato de adesão inclui todos os direitos e deveres que as partes deverão cumprir durante o prazo do consórcio, bem como os juros e as correções que incidirão sobre as parcelas.

Direitos e deveres

Conhecer as regras gerais para todos os consórcios, presentes na Lei 11.795/2008 que regulamenta o sistema de consórcio no Brasil.

Patrimônio de afetação

Certificar-se de que o patrimônio da administradora está separado do patrimônio formado através do consórcio, o que evita prejuízos em caso de falência ou recuperação judicial da empresa.

Golpes e fraudes

Ter consciência de que há golpes no mercado que envolvem todos os tipos de negócios, inclusive de consórcio.

Por este motivo, esteja atento para ofertas muito mais baixas que o normal e vendedores que oferecem contemplação do consórcio em curto prazo.

Contate a administradora e certifique-se das informações.

Cuidados durante o consórcio

A atenção deve ser redobrada depois de firmada a relação jurídica entre consorciado e administradora. Confira abaixo os pontos a serem verificados:

Assembleias gerais

Participar das assembleias gerais e acompanhar as movimentações e contemplações do grupo do consórcio.

Dados cadastrais

Manter seus dados cadastrais atualizados junto à administradora, como endereço completo, e-mail e telefones para contato.

Cuidados ao comprar uma carta de crédito contemplada

Outra opção interessante para quem quer adquirir bens ou serviços através de consórcio é a aquisição de uma carta de crédito contemplada.

Para isso, é preciso também tomar alguns cuidados. Confira abaixo no que você deve se atentar:

Procuração pública

Outorgar uma procuração pública para venda da carta de crédito, caso o titular não possa comparecer à sede da administradora.

Ainda que não seja exigido o documento público, a escritura de procuração tem fé pública e evitará que você sofra possíveis golpes de estelionatários.

Anúncios

Desconfiar de anúncios publicados em jornais ou na internet, que são muito comuns e que oferecem “facilidades” demasiadas e valores muito mais baixos que o normal para atrair clientes.

Dados da carta de crédito

Conferir todos os dados da carta de crédito que se pretende adquirir é essencial, desde a administradora até as regras específicas deste consórcio.

Para confirmar todas as informações sobre a carta de crédito, basta consultar a administradora responsável.

Cabe ressaltar que aqui valem também todos os cuidados ao escolher a administradora, ler o contrato de adesão e conhecer os seus direitos e deveres como novo consorciado.

Viu como é importante conhecer os cuidados básicos que devemos ter ao contratar um consórcio? Agora que você já está por dentro deste assunto, que tal pensar em investir no mercado imobiliário? Leia mais sobre Consórcio de imóvel comercial neste artigo e comece a empreender!