Meu Primeiro Carro

Saiba quais são os 9 melhores carros para estrada de terra

Deseja comprar um carro para andar pelas estradas de terra? Confira as 9 melhores opções aqui!

Para quem visita zonas rurais com frequência, é importante comprar um carro para uso urbano, em ruas asfaltadas, mas que também aguente o tranco das estradas de terra. Geralmente, eles têm a palavra “cross”, “adventure” ou “stepway” no nome. Mas você sabe quais são os melhores carros para estrada de terra no Brasil?

Pretendemos ajudar você a descobrir isso com este post. Então, veja a partir de agora quais modelos considerar e uma breve ficha técnica de cada um!

O que procurar em um carro para estrada de terra?

Os carros considerados próprios para “off-road” costumam ser equipados com itens que facilitem o trânsito por terrenos mais acidentados e de difícil acesso, como tração 4x4 (tração nas 4 rodas), controle de estabilidade, quebra-mato e configuração da suspensão com altura mais elevada.

Esses itens são importantes para auxiliar o motorista em casos de derrapagens e atolamentos em lamaçais. Ou seja, o veículo precisa responder bem aos obstáculos sem causar danos à suspensão, ao chassi e à lataria.

Os veículos comuns, por outro lado, são muito baixos e ficam próximos demais do solo. Por isso, não é recomendado o uso deles para encarar uma estrada cheia de ondulações, cascalhos e lama. A altura dos modelos off-road é o que garantirá uma boa condução nesse tipo de estrada, pois proporciona boa visibilidade ao motorista.

Quais são os 9 melhores carros para estrada de terra?

Agora que você já conhece as características que um carro para estrada de terra deve ter, confira abaixo os principais modelos que separamos para facilitar a sua escolha!

1.Fiat Palio Weekend Adventure
2.Volkswagen Saveiro Cross
3.Renault Sandero Stepway
4.Fiat Strada Adventure
5.Volkswagen CrossFox
6.Chevrolet Onix Activ
7.Ford Ecosport
8.Renault Duster
9.Jeep Renegade

Vamos lá!

1. Fiat Palio Weekend Adventure

Esse modelo trouxe uma inovação para a categoria, pois nasceu da evolução de um carro que não foi originalmente pensado para a estrada de terra: o Palio Weekend. Com a versão Adventure, ele vem se firmando como um dos queridinhos entre os brasileiros.

O modelo tem o diferencial de contar com a tecnologia blocante Locker, que equilibra a força nas duas rodas dianteiras para impedir que fique preso em buracos ou situações em que só uma roda toca o chão.

Com relação ao desenho, o sistema Locker confere um design mais arrojado ao carro, agradando visualmente aos motoristas mais aventureiros. O espaço interno, por outro lado, é uma das maiores reclamações dos proprietários. Então, a marca tenta compensar isso oferecendo preços mais atrativos.

Os modelos mais novos da Weekend Adventure trazem a novidade da transmissão Dualogic Plus, incorporando borboletas atrás do volante. Esse sistema também é conhecido como “Paddle Shift” e permite passadas de marcha sem precisar tirar as mãos do volante.

Agora, veja a ficha técnica que preparamos para ajudar você a conhecer as principais configurações do modelo:

- tração: dianteira com juntas homocinéticas;
- consumo: 6,8 km/l a 11,1 km/l;
- versões: Adventure, Adventure Locker;
- torque: 18,4 kgfm a 18,9 kgfm;
- câmbio: manual de 5 marchas;
- motorização: 1.8 16V flex;
- potência: 130 cv a 132 cv;
- direção: hidráulica;
- preço médio: a partir de R$58.990,00

2. Volkswagen Saveiro Cross

Vencedora de vários prêmios em 2017 na categoria de melhor picape leve, a Volkswagen Saveiro é um modelo bastante versátil, incluindo as suas versões Cross. Isso porque ela tem uma estrutura pensada para oferecer excelentes performances em estradas de terra. Um exemplo disso é a sua ótima estabilidade na pista.

Outros destaques do modelo são o assistente de partida em subida e o isolamento acústico, que proporcionam uma melhor experiência aos motoristas. Então, se você busca um carro prático, que alie design a utilidade, essa será uma boa escolha, pois oferece caçamba para o transporte de cargas e mantém o visual bonito e esportivo, sem o grande porte dos utilitários.

Confira agora a ficha técnica completa da Saveiro Cross:

- consumo: 76 km/l a 12,1 km/l;
- torque: 15,8 kgfm a 17,1 kgfm;
- câmbio: manual de 5 marchas;
- versões: Cross CE, Cross CD;
- potência: 110 cv a 120 cv;
- motorização: 1.6 16v;
- direção: hidráulica;
- tração: dianteira;
- preço médio: a partir de R$53.150,00

3. Renault Sandero Stepway

Inicialmente, o modelo representava apenas uma versão do Sandero. Porém, devido ao sucesso que teve no mercado, a marca decidiu desvinculá-lo do seu irmão mais simples, passando a chamar o carro somente de Renault Stepway.

Trata-se de um “hatch” com suspensão mais elevada e visual marcante que vem agradando aos motoristas mais aventureiros. Na categoria, também é o que se destaca em termos de espaço interno, pois oferece porta-malas com 320 litros de capacidade e boas acomodações para as pernas e cabeças dos ocupantes, seja nos bancos traseiros ou nos dianteiros.

Com relação à ficha técnica, separamos as principais configurações do modelo abaixo. Confira:

- câmbio: manual de 5 marchas;
- motorização: 1.6 SCe Flex 16v com 4 cilindros;
- consumo: 8,1 km/l a 12,0 km/l;
- versões: Expression, Dynamic, Easy’R;
- potência: 115 cv a 118 cv;
- tração: dianteira;
- torque: 15,9 kgfm;
- direção: eletro-hidráulica;
- preço médio: a partir de R$61.190,00

4. Fiat Strada Adventure

Assim como a Saveiro Cross, o Fiat Strada Adventure também é uma picape. Na verdade, o modelo é uma versão do Fiat Palio Weekend Adventure com caçamba. Por isso, é ideal para quem transporta muito peso por estradas de terra. O modelo tem uma das suspensões mais elevadas da categoria e um bom custo-benefício.

Entre os principais opcionais da Strada Adventure temos o computador de bordo, os faróis de neblina e os vidros elétricos. Além disso, você pode conferir outros detalhes do modelo na ficha técnica abaixo:

- consumo: 7,6 km/l a 15,3 km/l;
- câmbio: manual de 5 marchas;
- motorização: 1.8 Flex 16v;
- direção: hidráulica;
- torque: 17,8 kgfm a 18,5 kgfm;
- tração: dianteira;
- potência: 112 cv a 114 cv;
- versões: CD;
- preço médio: a partir de R$51.990,00.

5. Volkswagen CrossFox

Fazendo jus à antiga campanha publicitária do modelo, o CrossFox conseguiu se diferenciar dos seus concorrentes justamente pelo motivo de ser compacto pra quem vê, mas gigante pra quem anda.

A ideia de posicionar o estepe na tampa do porta-malas ajudou para que esse objetivo fosse alcançado, além de conferir uma aparência esportiva e jovial ao veículo.

Com relação ao Fox, a diferença se dá basicamente nos opcionais próprios para uma viagem em estradas de terra, como quebra-mato embutido no para-choque dianteiro, suspensão com regulagem mais alta e pneus de característica off-road. Sendo assim, ele é 53 milímetros mais alto que o seu irmão da cidade. Além disso, essa versão tem um preço bem atrativo.

Abaixo, você pode conferir a ficha técnica deste compacto que chama a atenção na categoria off-road:

- câmbio: manual de 6 marchas;
- consumo: 7,7 km/l a 13,0 km/l;
- torque: 15,8 kgfm a 16,8 kgfm;
- versões: Crossfox, Crossfox SMI;
- potência: 110 cv a 120 cv;
- motorização: 1.6 16V;
- tração: dianteira;
- direção: elétrica;
- preço médio: a partir deR$71.290,00.

6. Chevrolet Onix Activ

Esse carro é uma ótima opção entre os off-road no Brasil, pois ele entrega boa flexibilidade para circular nas cidades e no interior. Deferentemente do modelo popular Onix, a versão Activ apresenta faróis com máscara negra, suspensão mais elevada, rodas de 15 polegadas exclusivas, pneus maiores e um rack de teto que compensa a falta de caçamba.

O carro também oferece faróis de neblina e sensor de chuva como opcionais. Isso ajuda muito quando você dirige sob condições climáticas desfavoráveis. Além disso, o espaço interno é considerado satisfatório e o visual agrada bastante.

Conheça um pouco mais sobre esse off-road na ficha técnica abaixo:

- câmbio: manual de 6 marchas;
- versões: SPE/4 Eco Activ e SPE/4 Eco Activ Auto;
- consumo: 8,3 km/l a 13,8 km/l;
- torque: 13,0 kgfm a 13,9 kgfm;
- motorização: 1.4 16V;
- tração: dianteira;
- direção: elétrica;
- potência: 98 cv a106 cv;
- preço médio: a partir de R$51.590,00.

7. Ford Ecosport

Considerado um dos melhores carros para estrada de terra, o Ford Ecosport fez sucesso aqui no Brasil e no exterior, tornando-se líder de mercado em seu segmento. O modelo atende tanto aos motoristas que desejam realizar um passeio mais tranquilo quanto aos que desejam se aventurar por trilhas mais pesadas.

Com os preços do seguro e da assistência técnica mais baixos, o veículo é bastante elogiado no que diz respeito ao custo-benefício. Isso inclui uma boa revenda, já que o índice de desvalorização também é baixo.

Você pode optar por uma versão mais urbana ou voltada para estradas de terra, com equipamentos próprios. Outra característica desse carro é que ele consegue unir o útil ao agradável, sendo excelente para viagens de longa distância.

Confira abaixo um resumo da ficha técnica do Ford Ecosport:

- versões disponíveis: SE, Freestyle, Titanium, Freestyle 4WD, SE Powershift, Freestyle Powershift, Titanium Powershift;
- câmbio: manual de 5 marchas ou automatizado de dupla embreagem e 6 marchas;
- consumo: 8,3 km/l a 13,1 km/l;
- motorização: 1.5 TiVCT ou 2.0 Direct flex;
- tração: dianteira;
- torque: 15,6 kgfm a 16,2 kgfm;
- potência: 130 cv a 137 cv;
- direção: elétrica;
- preço médio: a partir de R$69.990,00.

8. Renault Duster

O Renault Duster é um dos 4x4 mais baratos do Brasil e, por conta disso, também leva o título de um dos carros que tem o melhor custo-benefício da categoria.

O espaço interno, as proteções na lataria contra as pedras e cascalhos, a suspensão traseira multilink e os ângulos favoráveis de entrada e saída são características marcantes desse SUV.

Com a nova estilização feita a partir dos modelos de 2016, as alterações nos faróis, lanternas, grade e console central do painel trouxeram uma atualização no design, deixando o carro com um visual mais bonito.

Veja agora algumas das particularidades desse veículo na ficha técnica:

- câmbio: manual de 6 marchas;
- versões: Expression, Dynamique, Dakar;
- consumo: 6,7 km/l a 10,8 km/l;
- torque: 17,9 kgfm a 18,8 kgfm;
- tração: 4x4 (sem reduzida);
- motorização: 2.0 16V flex;
- direção: eletro-hidráulica;
- potência: 143 cv a 148 cv;
- preço médio: a partir deR$75.290,00.

9. Jeep Renegade

Deixamos o melhor para o final. O Jeep Renegade é um dos campeões de venda na categoria, pois a marca tem a característica off-road no DNA. Com um visual marcante e inconfundível, o modelo pode vir equipado com opcionais que facilitam a condução firme e segura dos motoristas.

Os principais itens são o controle de estabilidade e de tração, o controle de velocidade em descidas, computador de bordo, faróis dianteiros e lanternas traseiras de neblina. Veja o que mais o modelo pode oferecer na ficha técnica abaixo:

- versões: Auto PCD, STD Auto, Sport Auto, Longitude Auto, Limited Auto, TDI Longitude Auto 4WD e TDI Trailhawk Auto 4WD;
- motorização: 1.8 a 2.0 com 4 cilindros em linha diesel;
- câmbio: automático com modo manual de 6 marchas;
- consumo: 6,9 km/l a 12,2 km/l;
- torque: 18,8 kgfm a 19,3 kgfm;
- tração: dianteira ou 4x4;
- direção: elétrica;
- potência: 135 cv a 139 cv;
- preço médio: a partir de R$79.290,00.

Esses são alguns dos melhores carros para estrada de terra disponíveis no mercado brasileiro. Como cada modelo tem características exclusivas, você deve avaliar qual é o mais adequado para o seu perfil e necessidades de uso. Essa lista deve ajudar você a escolher o melhor modelo. Então, aproveite as dicas para planejar um consórcio de carros ainda hoje.

Quer saber mais sobre o assunto? Baixe o nosso guia completo de aquisições via consórcio de veículos agora mesmo. Ele é gratuito e vai tirar as suas principais dúvidas.
Guia Completo De Aquisicao Via Consorcio De Veiculos

As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.