Meu Primeiro Imóvel

O que é loft e quais as vantagens desse empreendimento?

Descubra o que é um loftt, as características desse estilo de imóvel e as principais vantagens que ele oferece!

Que tal ter uma casa ou apartamento sem divisões internas entre os cômodos e projetado para aproveitar melhor a luz natural? Pode parecer algo visto somente nos filmes, mas esse tipo de imóvel existe e permite ser personalizado como você desejar. A partir de agora, vamos entender melhor o que é loft e para quem esse empreendimento é indicado.

O loft pode ser uma alternativa interessante para quem busca viver em um espaço compacto, mas sem abrir mão do conforto. No entanto, também atende quem deseja conquistar a casa própria, mudar-se para um espaço um pouco menor ou ter um apartamento para alugar.

Na versão apartamento, esse tipo de imóvel geralmente é encontrado nos grandes centros, e oferece charme e sofisticação combinados à praticidade de morar perto de regiões urbanas bem movimentadas.

Ao mesmo tempo, um loft também tem custos menores do que uma casa ou apartamento com metragem maior, o que é uma vantagem para quem busca economizar ou viver de forma mais simples. A seguir, vamos ver quais são os principais atributos de um loft padrão.

O que é loft? Entenda as principais características desse imóvel

Ambiente com sala e cozinha integrados, um quarto no mezanino e pé direito alto. Você já deve ter visto esse tipo de imóvel em algum filme, como Flashdance e Ghost, certo?

Esse é um exemplo de loft. A palavra vem do inglês e remete a sótão. Em seu formato original, ele é projetado para ocupar a cobertura de um edifício, mas também pode ser implementado em uma casa térrea.

Sua principal característica é a ausência de divisões entre os espaços do local. Isso permite a personalização total do ambiente e também facilita qualquer alteração posterior. Além disso, a falta de paredes entre os cômodos dá a sensação de que o imóvel é maior, ainda que a metragem seja igual ou até menor do que a de um apartamento tradicional.

O loft surgiu no ano de 1960 em Nova York, nos Estados Unidos, quando fábricas desativadas passaram a ser transformadas em espaços de moradia. O tipo de construção favorecia montar os apartamentos com mais espaço e melhor aproveitamento da luz natural.

Além disso, as estruturas antigas também eram aproveitadas, de modo que as colunas rústicas, por exemplo, deixavam aparente que se tratava de um local que passou a ser usado com outra finalidade.

Com o tempo, o formato caiu no gosto de artistas e profissionais liberais, que usavam o espaço para montar ateliês. As características que lembram as fábricas, como tubulação aparente e janelas amplas, foram mantidas e até reproduzidas nas construções mais novas.

Assim, o loft se tornou um símbolo de charme e sofisticação, e inspirou outros formatos semelhantes, como veremos a seguir.

Qual é a diferença entre loft, kitinet flat, estúdio e um apartamento tradicional?

Com o crescimento das áreas urbanas, conseguir um espaço para morar próximo ao local de trabalho e com fácil acesso a serviços tem se tornado cada vez mais caro. Pensando nessa demanda, construtoras e incorporados vêm criando projetos de apartamentos menores e mais voltados para quem passa o dia todo fora de casa.

O formato do loft acabou servindo para tornar os espaços menores mais funcionais, e isso deu origem a outros tipos de apartamento que reproduzem essa integração entre os ambientes. Mas existem diferenças:

- loft: como já mencionamos, um loft é um apartamento com total integração entre os ambientes comuns e com um mezanino que separa a área íntima da casa. Não há uma metragem que defina esse formato;
- kitinet: do inglês kitchen, é um apartamento que integra a cozinha às áreas comuns da casa;
- estúdio: bastante semelhante à quitinete, integra quarto, sala e cozinha, e apresenta cerca de 30 metros quadrados;
- flat: também conhecido como apart-hotel, oferece serviços semelhantes aos de um hotel para moradores temporários;
- apartamento tradicional: conta com uma divisão clara entre os espaços, estabelecida por meio dos cômodos. Existe ainda uma separação entre áreas sociais e de serviço, muitas vezes com entradas independentes. Não há um número máximo de quartos ou de ambientes, como sala de estar ou jantar.

Como você viu, é muito comum confundir esses termos. Por isso, se você estiver considerando um imóvel com alguma dessas características, vale a pena pesquisar sobre outras funcionalidades oferecidas e, claro, sobre o custo-benefício da aquisição.

A seguir, vamos ver para quais perfis um loft é mais indicado.

Quando vale a pena morar em um loft?

Ter um loft é uma alternativa para quem busca mais conforto em espaços reduzidos. Quem tem uma casa maior, por exemplo, pode encontrar nele uma saída para reduzir os custos de manter um imóvel e ainda ter a possibilidade de morar perto das áreas urbanas mais movimentadas.

Nesse sentido, jovens em ascensão de carreira, executivos, casais sem filhos ou pessoas mais velhas podem se interessar por esse tipo de empreendimento. Para quem tem animais de estimação o local também é uma alternativa a ser considerada. Vale checar as regras de cada condomínio para saber quais são as condições.

Outra vantagem é a possibilidade de personalizar o espaço como e quantas vezes o morador desejar. Os móveis, por exemplo, podem marcar quais áreas da casa são destinadas a cada tipo de atividade, como comer, dormir, trabalhar ou relaxar.

Tapetes, estantes, cortinas e prateleiras também são boas opções para decorar os espaços e mantê-los organizados sem perder a versatilidade.

Considere a possibilidade de ter móveis planejados e funcionais, que possam ser usados para mais de um objetivo, como um sofá que serve como baú, uma cama com gavetas, uma mesa de jantar dobrável e assim por diante.

Vale lembrar que não há regras para definir o que deve ser incluído ou não na decoração de um loft. Tudo pode ser personalizado, e a organização depende somente do gosto e das necessidades dos moradores do local.

Agora que você compreende melhor o que é loft, quais são suas principais vantagens e para quem esse empreendimento é indicado, que tal ver mais detalhes sobre como comprar a casa própria? Baixe nosso eBook gratuito sobre como adquirir o primeiro imóvel e tire todas as suas dúvidas!

Guia De Compras De Imo Veis Como Adquirir Seu Primeiro Imo Vel Banner Artigo Blog

Racon Blog

Por Racon Blog

Data Publicado em 31 de Outubro de 2018

o que é loft o que é loft loft loft loft o que é loft o que é

As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.