Planejamento Financeiro

Faça uma lista de compras de solteiro e economize em 7 passos

Você sabe fazer uma lista de compras de solteiro? Veja nossas dicas para não desperdiçar dinheiro e alimentos.

O estilo de vida contemporâneo com sua rapidez e formas variadas de organização social, tem levado muitas pessoas a preferirem morar sozinhas. A praticidade e a liberdade que isso traz são certamente um dos principais benefícios e saber como fazer uma lista de compras de solteiro é parte do manual de sobrevivência de quem optou por esse caminho.

Se você vem pensando em conquistar essa autonomia mas ainda não sabe como será seu dia a dia no que diz respeito à alimentação e como se organizará para fazer isso, continue lendo esse post. Temos informações que serão muito úteis para você. Confira!

1. Itens que não podem faltar

Antes definir o que vai e o que não vai para sua casa, defina a periodicidade com que vai fazer compras. Se não tem muito tempo para cozinhar, nem mesmo para organizar a despensa e a geladeira, é bem provável que seja melhor uma compra semanal do que mensal na qual você pode correr o risco de perder boa parte dos alimentos.

Dito isso, vamos a algumas questões simples que você deve considerar:

- independentemente da quantidade, busque variedade na compra, comer um só tipo de alimento não é saudável;
- compre leite e derivados — caso consuma laticínios — pois são versáteis na cozinha e podem te salvar tempo no momento de preparar um lanche;
- tenha frutas pois são saudáveis e acompanham bem diversos tipos de refeições e lanches rápidos;
- lembre-se daquilo que consome em suas refeições diárias como arroz, feijão, verduras e carnes (se for o caso) para manter bem sua alimentação;

Vale lembrar também que pode ser importante comprar em menor quantidade alguns enlatados e empacotados como comida pronta, frios e congelados. Ninguém é de ferro e isso pode te ajudar a economizar tempo na correria do dia a dia. 

2. Separe por porções

Boa parte dos alimentos vêm em uma quantidade maior que a necessária para consumo imediato, principalmente se estamos falando de uma lista de compras para solteiro

Isso vai desde os pães que são comprados no supermercado quanto folhas, verduras e carnes compradas no açougue. Por isso, para não haver desperdício de alimentos e de dinheiro separe aquilo que não será consumido imediatamente em porções.

Use vasilhas grandes de plástico para armazenar pães, o mesmo pode ser feito com as verduras que são colocadas sob papel toalha no fundo do vasilhame após lavadas. Avalie qual tipo de alimento a ser armazenado e faça da maneira certa. A seguir, falaremos mais a respeito das carnes. Confira!

3. Quantidade de carnes

O melhor a se fazer quando for comprar carnes no supermercado é ir na seção de açougue. Em vez de comprar a quantidade já pronta na prateleira, você pode pedir a quantidade certa de acordo com a periodicidade que você irá às compras.

Pode-se dizer que 500g de carne por semana é mais que suficiente para manter você bem alimentado se acompanhado de outros comidas importantes como frutas, vegetais, grãos inteiros, entre outros.

Além de poder optar pela quantidade apropriada a sua compra, você também poderá escolher aquela que mais lhe agrada e no corte que preferir. 

Para encerrar, vale dizer que o tempo máximo que uma carne deve ficar congelada é de 3 meses, mais que isso pode causar sério riscos à saúde. Não se arrisque. 

4. Quantidade de verduras, frutas, tubérculos e raízes

Outro ponto importante sobre a quantidade certa de alimentos a ser comprada são as verduras, frutas, tubérculos e raízes. Essas, com certeza, devem ser compradas em pequenas porções mesmo que variadas pois vencem em dias, diferentemente das carnes. 

Você pode, por exemplo, comprar três ou quatro pés de alface, oito tomates, sete batatas e uma penca de bananas em uma semana. Na outra, pode variar e optar por umas doze folhas de almeirão roxo, cinco pimentões, quatro mandiocas e duas pencas de uvas. Assim terá alimento tanto para acompanhar o tradicional arroz com feijão quanto para lanchar pela manhã e fim de tarde.

5. Tipos de alimento que podem facilitar o preparo das refeições no dia a dia

Não poderíamos tocar no assunto alimentação e praticidade e esquecermos das massas. Ter um pacote de macarrão na despensa sempre é bem-vindo sobretudo como solução para preparar uma refeição rápida que pode vir acompanhada de queijo e salada, por exemplo. 

Comprar uma lasanha congelada que pode ser rapidamente aquecida em um microondas é também de grande ajuda. O mesmo vale para pizzas, coxas de frango e outros frios diversos que são facilmente encontrados no supermercado.

Considere também iogurtes e caixas de suco. Complementam facilmente um lanche e não requerem preparo. Tudo isso facilita a superar a correria cotidiana.

6. Maneire nos frios e enlatados

É importante sim sermos realistas e considerarmos a possibilidade de estarmos sem tempo ou cansados demais para prepararmos uma refeição em um dia específico e precisarmos de alimentos que sejam mais fáceis para o consumo.

Porém, é essencial salientar que isso deve ser uma exceção e que essa exceção não pode se tornar uma regra. Os altos níveis de sódio e variados produtos e processos artificiais que esses alimentos levam não são indicados para o consumo diário. Fique atento a isso e não se arrisque.

7. Algumas novidades no mercado hoje

O mercado tem acompanhado as mudanças nos padrões de comportamento e estilo de vida das pessoas e aquelas que são solteiras têm cada vez mais a mão aquilo que precisam para facilitar o seu dia a dia.

Verduras que já vêm lavadas prontas para consumo ou até mesmo frutas que já vêm descascadas são algumas dessas facilidades que os supermercados têm oferecido. Bebidas e enlatados em menores quantidade também já são uma realidade.

É claro que se paga um pouco mais caro por isso como compensação à facilidade trazida, por isso, confira bem se optar por esses produtos não pesará no seu orçamento.

Se gostou das nossas dicas sobre como fazer uma lista de compras de solteiro em 7 passos, leia também o nosso artigo sobre como equilibrar as finanças!