Veja nossas dicas de como planejar a montagem do quarto do bebê!

Quer receber dicas sobre como montar o quarto do bebê? Veja o nosso post agora mesmo!
  • Atualizado em September 21, 2021
  • Publicado em September 21, 2021
  • Seu imóvel

A chegada de um filho é motivo de alegria e, juntamente da gravidez, os pais têm a preocupação de se prepararem para receber o novo membro da família em seu lar. A partir daí, começam a comprar roupas, fraldas, enxoval e a planejar como vai ser o quarto do bebê. Tudo deve ser providenciado em um curto espaço de tempo, pois a gravidez passa depressa.

Os pais sempre desejam montar um quarto bonito e que tenha tudo o que o bebê precisa. Por essa razão, eles precisam pensar em uma decoração que seja funcional, segura e do seu agrado. Alguns itens são indispensáveis e as cores podem variar.

Deseja saber mais sobre como montar o quarto do bebê? Continue a leitura!

Quais são as melhores dicas para fazer o quarto de bebê ideal?

Os gostos dos pais variam muito e na maioria das vezes eles optam por algo que já tenham visto na casa de amigos, familiares ou na internet. Alguns preferem o estilo mais moderno, enquanto outros optam por algo mais retrô. Confira!

1. Definir o estilo de decoração

A decoração é um ponto importante para aqueles que desejam montar um quarto para o tão esperado bebê. Comece fazendo o seu orçamento e calculando quanto pode gastar para comprar os objetos decorativos. Depois disso, é necessário escolher uma cor ou um tema interessante.

Uma dica é optar pelas cores claras, pois elas não vão se tornar pesadas para o ambiente. Os tons pastéis se encaixam perfeitamente com os temas infância. Saiba que existem vários estilos decorativos e entre os principais estão:

  • clássico — os móveis e objetos são repletos de ornamentações e a madeira é um dos principais elementos;
  • romântico provençal — as mobílias e os itens têm aparência desgastada e imperfeita;
  • moderno — tudo no ambiente é feito com linhas retas e simples;
  • minimalista — o quarto é decorado com poucos objetos mas funcionais;
  • retrô — os objetos têm aparência mais antiga e pés palito.

O quarto do bebê leva as pessoas a um universo encantador e, com certeza, será muito frequentado por todos os amigos e familiares. Por essa razão, pense em todos os detalhes com muita calma.

2. Analisar quais são os móveis necessários

A escolha dos móveis deve ser feita de acordo com a necessidade de cada família. Os itens considerados indispensáveis para o quarto do bebê são o berço, a cômoda para guardar as roupas e sapatos. Um trocador pode ser bastante útil para as trocas de fraldas e para uso após o banho. Já a poltrona de amamentação vai garantir a segurança e o conforto da mãe e do recém-nascido quando ele estiver sendo amamentado.

Uma sugestão importante para quem vai escolher o berço do bebê é verificar a certificação do móvel. Ele deve ter tinta atóxica e as medidas devem ser corretas. Pense no tamanho ideal dos móveis, pois eles deverão ficar bem distribuídos dentro do quarto para que a decoração do ambiente fique bonita e para que o conforto seja garantido.

3. Escolher a mão de obra adequada

Para evitar dores de cabeça, opte por profissionais qualificados e por produtos de qualidade. Crie uma lista com todos os materiais e itens que serão comprados para montar o quarto do neném. Em seguida, monte um cronograma que vai desde a entrega do material até o momento em que os trabalhadores contratados terão que entregar o projeto. Desse modo, você vai conseguir economizar e ainda terá um ótimo trabalho realizado por pedreiros, montadores de móveis e decoradores.

4. Ter cuidado com a segurança

O cômodo deve ser todo planejado para ser o mais seguro possível. Isso devido ao fato de que em pouco tempo o bebê vai engatinhar, andar e correr pelo local. Certifique-se de não existam itens no chão nos quais a criança possa tropeçar ou escorregar. Uma ótima ideia é colocar proteção nas quinas dos móveis para que os pequenos não se machuquem caso esbarrem em alguma mobília.

Tome cuidado com os móbiles e bichos de pelúcia escolhidos para decorar o ambiente. Alguns formatos podem machucar o bebê ou ser facilmente engolidos. O mais indicado é escolher itens maiores e que não tenham pontas. Ao fazer isso, você vai garantir o bem-estar do seu filho e evitará surpresas desagradáveis.

5. Escolha a iluminação com cuidado

A iluminação do cômodo deve ser escolhida com cautela, pois é por meio desse elemento que a criança vai se sentir calma para dormir ou alegre quando acordar ou no momento em que estiver brincando. Muitos pequeninos têm medo do escuro e com pouca iluminação, e por isso eles podem não querer permanecer no local por muito tempo.

Prefira optar por luzes difusas que se espalhem pelo ambiente e não foquem diretamente na criança. Isso fará com que tenha um sono mais tranquilo durante a noite, pois a luz deixa o cérebro em estado de alerta. É possível utilizar a luz natural, mas tome cuidado para escolher uma cortina ou persiana adequada para colocar na janela para conseguir controlar a incidência de luz dentro do quarto.

Então, agora que você já recebeu as nossas dicas sobre como montar o quarto do bebê, não deixe de colocar nossas instruções em prática. Caso você não tenha dinheiro suficiente para reformar um cômodo da casa ou para preparar um novo ambiente, saiba que fazer a contratação de um consórcio para realizar essa obra é uma excelente alternativa. Não deixe de entrar em contato com uma administradora de consórcios de confiança, faça uma simulação e conheça o melhor plano para você!

Gostou do nosso post e das nossas dicas? Leia também o nosso artigo “8 itens para preparar a casa para a chegada de um bebê” e fique por dentro de mais esse assunto!
As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
Mostrar comentários
Leia também
home
Seu imóvel

Como funciona a análise de crédito para a aquisição de um imóvel?

home
Seu imóvel

Contratar um consórcio para comprar casa de praia? Entenda!

home
Seu imóvel

Vale a pena investir em um terreno na praia? Veja como adquirir um!