Boleto fraudado: 6 dicas para identificar se o documento é falso

Aprenda como tomar cuidado com a ameaça do boleto fraudado para as suas finanças.
  • Atualizado em June 7, 2021
  • Publicado em June 7, 2021
  • Planejamento Financeiro

O boleto é um método de pagamento bastante popular e que a maioria das pessoas já está acostumada a lidar. No entanto, ele também pode representar alguns riscos para quem não presta muita atenção ao documento. Afinal, já se tornou comum encontrar casos de golpe envolvendo boleto fraudado.

Um boleto fraudado, ou falso, se passa por uma fonte legítima e busca tomar o dinheiro que seria do seu pagamento. Com o uso de práticas sofisticadas, criminosos conseguem enganar os consumidores, que acreditam estar pagando um boleto verdadeiro.

Felizmente, existem algumas formas seguras de garantir que você não está lidando com um boleto fraudado. Assim como os lojistas implementam medidas de segurança para prevenir o problema, quem faz compras também precisa ficar alerta a possíveis golpes.

Para saber como se proteger, confira as informações deste artigo. Boa leitura!

Como funciona o boleto fraudado?

O boleto fraudado tem todas as características de um boleto legítimo. Apresenta código de barras, dados do emissor, valor de pagamento e, claro, funciona perfeitamente quando você o paga em agências bancárias, lotéricas ou pelo aplicativo do seu banco.

No entanto, o valor pago não vai para o destino que o consumidor esperava. Em vez disso, vai para contas controladas por criminosos, que ficam com a quantia que foi enviada. O cliente acredita que o pagamento foi feito, mas a loja não recebe o valor.

A prática do golpe do boleto fraudado é possível graças às tecnologias sofisticadas usadas pelos criminosos. Esses sistemas conseguem interceptar boletos legítimos e fazer mudanças sutis neles para que direcionem os pagamentos para suas próprias contas. Um momento de distração é o suficiente para cair nesse golpe.

No entanto, ter atenção redobrada também pode ser o suficiente para se livrar de uma dor de cabeça vinda de pagar um boleto fraudado. Basta saber quais critérios utilizar para ter certeza de que não se trata de uma fraude.

Quais são os 6 principais sinais para identificar um boleto fraudado?

A melhor forma de se prevenir contra um boleto fraudado é saber identificar quais são os sinais de que você está diante de um deles. É comum que, na pressa por fazer um pagamento ou simplesmente por desatenção, não percebamos que alguns detalhes são diferentes. Assim, acabamos caindo em um golpe.

A seguir, confira os 6 critérios para identificar se você está com um boleto fraudado em mão.

1. Código de barras

O código de barras costuma ser o meio utilizado para decodificar o boleto e emitir o pagamento fisicamente ou por um aplicativo. Esse é um dos primeiros aspectos de um possível boleto fraudado que merece a sua atenção.

Isso porque um boleto fraudado geralmente tem falhas no código de barras e espaços onde não deveriam estar. Geralmente, esses problemas fazem com que os sensores não consigam ler o código de barras, exigindo a inserção manual do código adulterado.

2. Nome do beneficiário

Ao realizar qualquer pagamento de boleto, é importante sempre checar as informações da instituição emissora. Ou seja, é onde aparece o nome da loja ou a identificação do destinatário do valor.

Métodos mais sofisticados de boleto fraudado são capazes de mascarar o nome da instituição emissora, mas ainda assim é importante ficar de olho nesse detalhe. Para isso, basta comparar o nome que aparece no boleto com o da loja ou empresa responsável.

3. Dados do beneficiário

Além do nome do beneficiário do boleto, você precisa ter atenção aos demais dados. É o caso, por exemplo, de CNPJ, CPF, endereço, entre outros. Essas informações ficam visíveis no boleto, e qualquer diferença pode ser um sinal de fraude.

Você pode usar a internet para conferir a veracidade das informações exibidas no seu boleto.

4. Valor do pagamento

A quantia especificada para o pagamento é outro sinal que requer a sua atenção para se prevenir contra um boleto fraudado. Em geral, ele costuma não corresponder ao valor apontado na loja em que o consumidor fez a compra.

No entanto, mesmo que o valor corresponda ao correto, isso não significa que o pagamento está seguro. É preciso avaliar todos os critérios desta lista para ter certeza.

5. Local de recebimento

Um dos sinais mais fortes de que você está lidando com um boleto fraudado é recebê-lo de uma fonte pouco confiável. É comum que isso ocorra a partir de um método de envio que você não estava usando até o momento para tratar com a loja em que você fez a compra.

Por exemplo, você realiza uma compra pelo navegador do computador usando seu e-mail. De repente, recebe um boleto pelo WhatsApp. Nesse cenário, vale ter atenção para conferir se não se trata de uma fraude.

6. Segurança do dispositivo

Por fim, um dos aspectos mais importantes que você precisa avaliar para se prevenir contra boleto fraudado é o dispositivo que você usa para fazer compras, como o computador ou o celular.

Isso é importante porque os criminosos também fazem uso de brechas na segurança desses aparelhos para interceptar a sua navegação e emitir boletos falsos. Portanto, certifique-se de manter o seu software de segurança atualizado e evitar instalar conteúdos que não conhece.

O que fazer no caso de pagar um boleto fraudado?

Nem tudo está perdido se você fizer um pagamento usando um boleto fraudado. No entanto, será necessário ter bastante paciência e saber quais são os canais mais adequados para iniciar o processo de contestação.

O passo mais importante é buscar a entidade emissora do boleto. Por exemplo, se foi uma compra online, você deve procurar a loja pelos meios de atendimento dela.

No caso da emissão de boleto vinda de um banco, você deve entrar em contato com a instituição financeira. Em ambos os casos, é necessário ter uma cópia do boleto fraudado e o comprovante de pagamento.

Agora que você sabe como ficar de olho na possibilidade de ter um boleto fraudado, pode realizar as suas compras com mais segurança e tranquilidade. Esse é um método de pagamento bastante útil, mas somente traz conveniência quando algumas medidas preventivas e muita atenção são empregadas antes de pagar. Aproveite as informações deste artigo e continue usando esse recurso de forma segura.

Que tal aprender mais sobre o assunto? Confira aqui no blog quais são os principais cuidados ao fazer pagamentos online.
As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
Mostrar comentários
Leia também
attach_money
Planejamento Financeiro

Quais são as 4 principais vantagens de abrir conta digital?

attach_money
Planejamento Financeiro

Quer saber como negociar as suas dívidas? Veja nossas dicas!

attach_money
Planejamento Financeiro

Entenda a importância da educação financeira infantil