Meu Primeiro Imóvel

Já pensou em construir com uma construtora? Veja se vale a pena

Vai começar uma obra? Conheça as vantagens e desvantagens de construir com uma construtora.

No momento de construir o imóvel dos seus sonhos, da maneira como deseja e necessita, pode vir a dúvida sobre o que é melhor: optar por um pedreiro ou construir com uma construtora. A verdade é que ambas as opções oferecem vantagens e desvantagens, e caberá a você escolher aquela que julgar melhor dentro das suas condições.

Neste post, vamos esclarecer melhor como isso funciona e quais são os cuidados que você deve ter ao escolher por uma ou outra opção. Se a frase que anda rondando a sua cabeça nos últimos tempos for “quero construir uma casa”, então você está no lugar certo! Continue lendo para estar bem informado e realizar a melhor escolha possível na construção do seu sonho.

Quero construir uma casa: é melhor com o pedreiro ou com uma construtora?

Para começar a ajudar você a tomar essa decisão, reunimos alguns prós e contras da contratação direta de uma equipe de pedreiros e do apoio de uma construtora para o serviço. Confira as vantagens da contratação de uma empresa especializada.

Comparação do custo-benefício do serviço

Em teoria, construir com um pedreiro sai mais barato do que fazer a obra com uma construtora. Essa afirmação parte do princípio de que você mesmo fará a escolha do material a ser usado, além de negociar diretamente com o profissional o custo do serviço.

Porém, quem tem experiência em construção sabe que nem sempre os acordos verbais são cumpridos. Não é raro encontrar depoimentos de pessoas que enfrentaram problemas com prazos de entrega ou mesmo com trabalhadores que não seguem o gosto do proprietário.

Há, também, situações em que os profissionais acabam usando os materiais sem a preocupação devida com a quantidade gasta ou com o atendimento às especificações do fabricante. Por fim, é preciso ficar muito atento e acompanhar a obra de perto para que não haja problemas e atrasos.

Tudo isso pode aumentar o valor final da obra, além de gerar muito desgaste interpessoal. Se você pensar bem no tempo que precisará dispor para esse trabalho, verá que não vale a pena. Afinal, de toda forma, será necessário ter um profissionalresponsável para assinar o projeto e cuidar de toda a documentação e do atendimento à legislação do município em que a casa será construída.

Ao trabalhar com uma construtora, ainda que o valor fique mais alto que o custo total, você terá uma tranquilidade muito maior quanto ao cumprimento dos acordos firmados no momento da negociação. Afinal, é da obrigação dela, independentemente de qualquer coisa, entregar o que está no papel.

Análise da qualidade final da obra

As construtoras, geralmente, trabalham com plantas já prontas que podem ser escolhidas pelo proprietário. Tanto no projeto quanto no contrato já ficam especificados:

- os materiais a serem usados;
- o tipo de construção;
- a quantidade de cômodos;
- as suas respectivas localizações;
- os demais detalhes.

Ou seja, você receberá aquilo que escolheu — nem menos, nem mais. Dependendo da construtora contratada, apesar de trazer o grande benefício da certeza de ter aquilo que foi acordado previamente, isso também carrega uma desvantagem: a de você morar em uma casa que terá que reformar depois, se quiser deixá-la com a sua cara.

Por outro lado, há empresas que fazem projetos personalizados, de acordo com os seus desejos e necessidades. Portanto, é preciso pesquisar bem antes de escolher a construtora que será contratada para a sua obra, fazendo um bom planejamento, tanto financeiro quanto do estilo que você gostaria de imprimir à sua residência. Dessa forma, será possível aliar a segurança ao seu gosto.

Já em uma obra dirigida com um pedreiro, você pode retocar o projeto à medida que ele vai se desenvolvendo, preparando para que o produto final esteja totalmente de acordo com o seu próprio gosto. Só é preciso ter atenção ao fato de que, quanto mais mudanças feitas ao longo da obra, mais caro será o projeto, podendo fugir completamente do seu controle de gastos.

Acesso à consultoria de profissionais qualificados

Uma coisa é ter uma ideia e contar com um pedreiro para realizá-la. Outra, é poder consultar toda uma equipe de profissionais qualificados (como arquitetos e engenheiros) para saber qual é a melhor forma de executar o seu projeto.

Trabalhando com uma construtora na realização da sua casa, você terá acesso a esses profissionais e poderá discutir com eles, de maneira clara e embasada, o porquê do uso de determinado material ou da posição de um determinado cômodo na planta.

Isso traz ainda mais confiança ao processo e deixa você tranquilo para cuidar de outras questões pessoais. Também não terá a necessidade de acompanhar a obra diariamente, como acontece quando se opta por trabalhar com um pedreiro. Isso evita um estresse desnecessário com mão de obra, que pode atrapalhar a realização do seu sonho.

Preferências na construção do imóvel

Conforme dissemos, quando se opta por trabalhar com construtoras, dependendo do caso, você não terá muitas opções a respeito de gostos pessoais na execução do projeto. O mais comum, é escolher um modelo entre algumas alternativas e deixar a empresa fazer o restante do trabalho.

Com um pedreiro, como ele vai cuidar de todo o processo, você pode deixar a sua casa totalmente personalizada. Isso vai desde a qualidade dos tijolos até qual porta, maçaneta e tipo de janela será usado em seu imóvel. Por isso mesmo, contar com um pedreiro de confiança faz toda a diferença já que erros na escolha do material e na forma de construir podem levar a custos dobrados ao final.

Uso correto do material e entrega no prazo

Ainda que você pague a mais ao contratar uma construtora, existem algumas questões importantes que você deve saber e que podem se tornar vantagens.

Você tem a garantia de que a construção do seu imóvel não vai parar pelos seguintes fatores:

- falta de material: caso falte algum material, é de total responsabilidade da construtora fazer a reposição;
- descumprimento do contrato: não pode haver substituição de um material melhor por outro de qualidade inferior;
- falta de profissionais: caso alguém deixe a obra, é de responsabilidade da construtora colocar outro profissional na função e continuar tocando o projeto normalmente, dentro do cronograma acertado.

Ao lidar com profissionais autônomos, sobretudo sem um contrato regendo os acordos, existe uma boa chance de as suas expectativas serem frustradas. Como a construção de um imóvel é um investimento de alto valor, é importante ter a consciência de que quanto mais seguro for o processo de negociação e realização da obra, melhor.

Aquisição de terreno

Quando se pensa em construir uma casa, nem sempre se tem o terreno para começar. É também da responsabilidade das construtoras oferecer o local de construção para você e entregar o imóvel naquele terreno, de acordo com o combinado, firmado por contrato.

Alguns veem nisso uma desvantagem, já que nem sempre os terrenos disponibilizados pela construtora vão ao encontro das suas expectativas de moradia. Pode ser que o tamanho ou a localização não sejam os ideais para as suas necessidades.

Todavia, se você não tem o terreno e não conseguiu encontrar um ao seu gosto, pode ser que ache uma boa alternativa nas opções oferecidas pela construtora.

O que devo saber para evitar problemas durante a obra e após a entrega?

A essa altura, você já deve ter entendido que é necessário se cercar de vários cuidados ao optar por uma construtora ou pedreiro. Independentemente da escolha, é importante ter em mente as seguintes questões para evitar dores de cabeça na construção do seu imóvel:

- trabalhe com contrato, mesmo que opte por um pedreiro. Caso haja qualquer discrepância no combinado, você poderá acionar a justiça;
- confira se a construtora que está cogitando contratar tem registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) e no Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU). Só assim o que foi firmado terá alguma validade legal;
- independentemente de optar por uma construtora ou por um pedreiro, considere construir sua casa por meio de um consórcio;
- jamais tome decisões precipitadas. Em todos os casos citados, pesquise bem antes de fechar negócio.

Como escolher uma construtora de confiança e que atenda aos meus desejos?

Você viu, até aqui, que a sua decisão não deve ser tomada apenas com base na questão financeira, mas sim na qualidade final do serviço que será entregue. Mais do que isso, estamos falando de ter a tranquilidade de elaborar um projeto que atenda às suas necessidades e que a construção da sua casa seja realmente a realização de um sonho.

Caso decida optar por uma construtora para atingir esse objetivo, ainda assim é preciso tomar alguns cuidados e levar fatores importantes em consideração. Veja quais são eles, a partir de agora.

Consulte o portfólio da construtora e peça o feedback de clientes anteriores

O primeiro passo é buscar por outros imóveis construídos pela empresa para avaliar pontos importantes, como a satisfação dos clientes anteriores, a qualidade construtiva, o atendimento aos prazos e até mesmo o estilo e os materiais utilizados. Essa pesquisa deve ser minuciosa, afinal você fará um grande investimento e precisa ter garantias de que a casa entregue será do jeito que sempre imaginou.

Analise bem todas as cláusulas contratuais

O contrato com a construtora que vai assumir a obra da sua casa deve ser rigoroso e rico em detalhes que garantam os direitos e deveres de todas as partes. Dessa forma, é preciso que constem detalhes sobre o que será construído. A empresa deve disponibilizar os projetos, a proposta, o orçamento, o cronograma de execução e de entrega etc. Somente assim você será capaz de acompanhar e fiscalizar o serviço, sem prejuízos.

Não se esqueça de informações básicas, mas não menos importantes, como a área construída, o levantamento da topografia e a especificação dos materiais de acabamento, que deve constar no memorial descritivo. Não deixe que esse documento tenha informações genéricas, como “piso em porcelanato”. É preferível que ele determine o modelo, o tamanho, a quantidade, a cor, o fabricante, entre outros dados.

Avalie a situação financeira da empresa escolhida

Um dos grandes temores que as pessoas têm quando decidem contratar uma construtora para a execução da obra residencial é a possibilidade de falência da empresa. Afinal, quem nunca ouviu falar de casos em que a construção parou pela metade ou atrasou demais o prazo de entrega por problemas financeiros da construtora?

Para não correr esse tipo de risco, procure referências sobre a empresa escolhida. Avalie a sua solidez financeira, o que pode ser feito por meio de consulta com instituições bancárias. Peça, sempre, a documentação completa da construtora, constando nomes dos acionistas, balanço anual, entre outros. Você também pode fazer uma consulta para verificar se não há processos judiciais contra ela ou pendências financeiras junto a fornecedores.

Veja se há flexibilidade para o serviço oferecido

Lembra-se de que falamos que uma desvantagem de contratar uma construtora é a menor possibilidade de elaborar projetos personalizados? Então, saiba que essa não é uma regra, mas as informações sobre isso devem ficar muito claras antes mesmo da assinatura do contrato.

Ao verificar o portfólio da empresa e escolher os projetos que mais agradam a você e a sua família, não deixe de questionar até que ponto eles podem ser modificados para atender às suas necessidades. Peça que esse tipo de informação seja resguardada no contrato para que você não tenha problemas ou frustrações no decorrer da obra.

Faça diversos orçamentos

Por fim, a nossa dica é que você não deixe de avaliar diversas empresas antes de escolher aquela com a qual vai fechar contrato. Peça orçamentos diferentes e analise cada um minuciosamente. Além disso, não tome uma decisão considerando apenas os valores. Afinal, dependendo de todas as questões que colocamos acima, o barato pode sair caro, em especial quando falamos em um investimento como a construção de uma casa.

Exija que os orçamentos sejam detalhados, apontando materiais que deverão ser utilizados, cronograma de entrega, serviços oferecidos, prazos, fornecedores, entre outras informações importantes.

Realizar o sonho de ter um imóvel é algo que requer cautela, já que não sai barato e valerá por uma vida toda. Quando a frase “quero construir uma casa” entra em nossa mente, realmente é difícil mudarmos de ideia e, por isso, é tão importante tomar todos os cuidados necessários para que tudo saia como você sonha. Mesmo que você faça isso apenas como um investimento, é preciso valorizar a sua escolha para obter os melhores benefícios possíveis.

Se você gostou de saber se vale a pena construir com uma construtora, não deixe de ler o nosso e-book “Consórcio para construção — Tudo que você precisa saber sobre o assunto”.

Consorcio Para Construcao Tudo Que Voce Precisa Saber Sobre O Assunto

As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.