11 motivos pelos quais você deve investir em consórcio imobiliário

Vai comprar uma casa ou apartamento? Veja as principais vantagens de fazer isso por meio do consórcio imobiliário.
  • Atualizado em October 28, 2021
  • Publicado em April 28, 2016
  • Seu imóvel

Muita gente sonha em ter a casa própria e não morar mais de aluguel. Porém, nem todo mundo tem a disciplina de guardar uma quantia fixa por mês para alcançar os objetivos. Uma boa solução, nesse caso, é investir em um consórcio imobiliário que permite adquirir o imóvel com um planejamento seguro e eficiente.

Contudo, saiba que tomar boas decisões financeiras exige conhecimento sobre o assunto. Só assim fica mais fácil identificar quais são as suas possibilidades com foco em manter a saúde financeira.

Quer saber mais? Vamos mostrar 11 motivos para investir em um consórcio imobiliário ao comprar um imóvel. Acompanhe!

Entenda o consórcio imobiliário

O consórcio imobiliário é uma modalidade de aquisição na qual diferentes pessoas se reúnem com o mesmo objetivo de comprar um imóvel. Nele, os participantes realizam pagamentos mensais, formando um fundo comum que possibilita as contemplações.

Ao longo do prazo de duração do consórcio, são realizadas as assembleias mensais. Nessas assembleias, acontecem as contemplações dos consorciados, que podem ser por sorteio ou lance. No sorteio, um ou mais participantes são definidos aleatoriamente para ter acesso à carta de crédito. Já o lance é quando o participante oferece um valor correspondente à antecipação de parcelas do consórcio, a fim de aumentar suas chances de contemplação.

Os grupos de consórcio são formados por uma quantidade limitada de integrantes, que contribuem com parcelas para a poupança coletiva. A duração de cada grupo tem prazo determinado, de acordo com o contrato. Até o final de sua vigência, todos os integrantes receberão suas cartas de crédito.

Administração do consórcio

O dinheiro arrecadado a partir do pagamento das parcelas de cada consorciado é reunido e gerenciado por uma instituição financeira , que é a administradora. Essa organização é a responsável por cuidar de toda parte operacional do consórcio e garantir o funcionamento adequado dos grupos e o cumprimento de todas as regras estabelecidas no contrato.

Além disso, a administradora também promove as assembleias para contemplação dos membros, de modo a permitir o acesso à carta de crédito para aquisição do bem objeto do contrato.

Agora que você já sabe o que é o consórcio imobiliário e conhece o seu funcionamento, confira os principais motivos para investir nessa modalidade na hora de realizar o sonho do imóvel próprio.

11 Vantagens do consórcio imobiliário

1. Não há valor de entrada

O valor da entrada é certamente um dos pontos que mais dificulta o acesso das pessoas a seu imóvel próprio. Muitas vezes, é bastante difícil juntar uma quantia suficiente para esse fim, o que inviabiliza a compra.

Assim, diferentemente dos valores de entrada que são solicitados em outras modalidades de aquisição, o consórcio não exige tal investimento.

2. Valores de taxas mais acessíveis

O valor da taxa de administração cobrada pelas administradoras costuma ser bem mais acessível se comparada com outras formas de aquisição parcelada.

A grande diferença do consórcio imobiliário é que as contemplações são viabilizadas com o dinheiro do próprio grupo. Por isso, não há cobrança de juros, e sim dessa taxa de administração, que é um percentual da carta de crédito diluída ao longo de todo o prazo de pagamento.

3. Trabalha a educação financeira

Sabemos como é difícil guardar uma quantia todos os meses por um longo período. Grande parte das pessoas não têm essa disciplina e acabam desistindo do sonho do imóvel próprio ou optando por modelos de aquisição mais onerosos.

No entanto, com o consórcio, você se compromete com o seu objetivo, e como não tem acesso ao valor a qualquer momento, não corre o risco de utilizar os recursos em outra compra ou gastá-los por impulso. Nada melhor para educar a saúde e disciplina financeira do que se acostumar a investir o seu dinheiro, não é mesmo?

Ou seja, ao aderir a um plano de consórcio você não apenas poupa uma parte dos seus rendimentos mensais, mas realiza um verdadeiro investimento. Isso porque, mensalmente, colocará um valor fixo na concretização de um sonho.

4. Garante o seu poder de compra

O seu poder de compra é mantido quando você adquire um consórcio, pois o valor da carta de crédito é reajustado periodicamente. O índice de reajuste é acordado no contrato e serve de base para as atualizações.

Isso significa que você pode ficar tranquilo ao saber que o valor pago mensalmente manterá o poder de compra ao longo de todo o período de vigência do contrato, já que o seu dinheiro está protegido da inflação e outros indicadores econômicos e você receberá o crédito atualizado no momento da sua contemplação.

5. Você pode dar lances

Outro diferencial interessante do consórcio é a possibilidade de antecipar a contemplação a partir da oferta de lances. Se você tem um dinheirinho guardado, pode dar lances, se o seu for o vencedor, você adquire o seu imóvel antes do tempo previsto. Caso não seja, você não precisa pagar pelo lance oferecido e pode tentar na próxima assembleia.

Para ofertar um lance é preciso, antes de tudo, estar com as parcelas em dia. Os valores variam conforme as regras do contrato e as ofertas dos demais consorciados. Uma boa dica envolve consultar as estatísticas de lances ofertados em assembleias anteriores para analisar as suas chances.

6. Oferece vantagens de uma compra à vista

Quando você é contemplado e tem acesso à carta de crédito, a compra do imóvel acontece como se fosse à vista. Essa facilidade, garante ao consorciado um maior poder de barganha na hora de fechar a compra.

Com a carta em mãos, o valor é transferido ao vendedor, de acordo com o processo de liberação de crédito previsto em contrato — o que gera vantagens para ambas as partes envolvidas na negociação.

7. Maior flexibilidade na escolha do plano

Cada administradora de consórcio trabalha com o seu portfólio de produtos. Assim, quem vai em busca dessa modalidade para a aquisição de um imóvel certamente encontrará mais facilidade e flexibilidade para definir a proposta que melhor se encaixa nas suas necessidades e em seu orçamento.

Nesse sentido, o cliente pode escolher entre diferentes valores de crédito, parcelas e prazos de pagamento. Essa liberdade de escolha oferece a você o poder de definir quanto está disposto a investir mensalmente sem prejudicar suas finanças.

8. Possibilidade de utilização do FGTS

No consórcio imobiliário é possível utilizar o FGTS para liquidação ou amortização do saldo devedor, oferta de lances ou até complementação da carta de crédito — quando o imóvel que desejar for mais caro do que o valor da carta.

É importante estar sempre atento aos pré-requisitos, acompanhar as informações fornecidas pela Caixa e tirar dúvidas diretamente com a sua administradora.

9. Antecipação

Muitas pessoas têm dúvidas sobre a possibilidade de antecipar as parcelas do consórcio. No entanto, antes de mais nada, se torna necessário avaliar cuidadosamente o contrato de adesão para garantir que esse tipo de opção seja aceita dentro das cláusulas de direitos e deveres.

A prática, em uma situação como essa, é que a maioria das administradoras costumam disponibilizar a aceleração e enxergam de modo bem-vindo. Cada tipo de acordo estipula diferentes critérios para a antecipação das parcelas. Como resultado, se torna possível fazer a amortização parcial ou completa em diferentes formatos, Veja, a seguir, quais são:

  • direta: as parcelas que estão prestes a vencer são quitadas conforme o valor oferecido antecipadamente;
  • inversa: o pagamento é adiantado a partir da última parcela. Assim, é possível pagar a parcela do mês vigente e também a do pagamento final;
  • diluída: a forma diluída só é permitida quando o responsável pela contratação do consórcio faz o lance vencedor na assembleia mensal. Dessa forma, é oferecido um determinado valor como antecipação que é diluído e reduz as parcelas mensais em ordem direta até o final do pagamento.

A quitação total das parcelas também é uma possibilidade muito procurada quando se trata de antecipação. Como o próprio nome já diz, aqui, a quantia das parcelas é paga de uma única vez. Entretanto, só faz sentido se a pessoa receber o valor de maneira inesperada para não faltar em outras áreas do orçamento.

10. Variedade de planos e prazos

O consórcio imobiliário costuma ser muito democrático pela grande variedade de planos e prazos disponíveis no mercado. Um dos principais diferenciais, por exemplo, é que você consegue decidir o valor do imóvel desejado, valor da parcela e o prazo de pagamento.

Dessa forma, quem opta pelo consórcio ganha a oportunidade de se programar com mais facilidade em busca do imóvel dos sonhos.

11. Sorteios periódicos

Todos que estiverem em dia com as parcelas do consórcio imobiliário podem participar dos sorteios periódicos. A principal vantagem, aqui, é que os participantes dos sorteios periódicos estão em completa igualdade no momento de concorrer.

Cada dinâmica acontece conforme as regras estipuladas pelas administradoras e precisa estar devidamente descrita em contrato. Entre as principais estão o uso do globo giratório e os resultados da extração da loteria federal.

Saiba o que levar em consideração na contratação

Como vimos, o consórcio imobiliário é uma ótima opção para quem quer adquirir seu imóvel de forma econômica e planejada. No entanto, antes de contratar um consórcio, é essencial observar alguns critérios e evitar erros para não ter surpresas desagradáveis e transformar o seu sonho em um pesadelo. Confira!

Administradora

O primeiro cuidado a ser tomado é na hora de escolher com quem fazer o seu consórcio. O recomendado é sempre ir em busca de uma administradora séria, já reconhecida no mercado e que seja autorizada pelo Banco Central a prestar esse tipo de serviço. Dessa maneira, o seu investimento não correrá riscos.

Taxa de administração

Como citado, a taxa de administração é o valor pago mensalmente à administradora do consórcio como remuneração por seu trabalho de gerenciamento e gestão do grupo de consórcio.

Esse é um ponto importante a ser considerado antes e durante a contratação do consórcio, já que, quanto mais alta for essa taxa, maiores serão os custos que você terá que suportar mensalmente.

Prazo de duração

É essencial que você avalie bem o prazo de duração do consórcio. Isso porque, ao assinar o contrato, você assumirá um compromisso por um prazo determinado e terá que honrá-lo durante todo o período de vigência. Dessa forma, é preciso se planejar para cumprir as regras sem nenhum problema.

Cláusulas e condições do contrato

O consórcio é formalizado por meio de um contrato. Nesse documento, deverão estar especificados todos os seus direitos, os seus deveres e as condições de cumprimento das obrigações.

Sendo assim, antes de aderir ao plano, é muito importante que você leia atentamente todas as cláusulas, avaliando todos os aspectos da contratação.

Valor das parcelas

A característica básica do consórcio é o pagamento mensal das parcelas, de acordo com o prazo e o valor do crédito escolhido. Por isso, é necessário que, ao aderir a um grupo, você tenha ciência de que esses pagamentos perdurarão durante todo o decorrer do plano.

Para evitar problemas financeiros, você precisa definir parcelas que caibam no seu bolso em diferentes situações, sem gerar transtornos. Por exemplo, é preciso se programar para o pagamento especialmente no início do ano, período em que se acumulam diversas outras contas, como IPVA, IPTU etc.

Além disso, procure se informar sobre os reajustes nas parcelas, verificando o percentual e como são feitos. Assim, é mais fácil se planejar.

Formas de contemplação

Não se esqueça de considerar as formas que você terá acesso à sua carta de crédito no consórcio. Existem duas formas de contemplação: por sorteio e por lances. Então, verifique como os lances podem ser realizados, quantas pessoas são contempladas mensalmente, entre outros aspectos relacionados.

O mais importante é encontrar uma administradora que seja referência no mercado, como a Racon Consórcios, que traz diversas soluções conforme os seus objetivos. Em uma decisão desse tipo, a confiança estabelecida entre ambas as partes precisa ser avaliada cuidadosamente.

Esse tipo de relacionamento na compra de um imóvel gira em torno de um atendimento personalizado, flexibilidade e credibilidade. Ter um sistema próprio de gestão de negócio e diferenciais tecnológicos também conta muitos pontos na decisão final. Logo, você ganha transparência e segurança na administração dos recursos financeiros na busca pelas melhores opções.

Por fim, não restam dúvidas de que o investimento em um consórcio imobiliário é uma alternativa bastante interessante para quem deseja adquirir o seu imóvel com segurança, economia e seguindo um planejamento financeiro mais tranquilo. Como vimos, motivos não faltam para comprovar que essa é uma modalidade de aquisição acessível, flexível e estratégica para se concretizar sonhos.

Quer saber como usar o crédito contemplado em um consórcio? Fique de olho nestas 5 dicas.
As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
Mostrar comentários
Leia também
home
Seu imóvel

Averbação de imóvel: o que é, como fazer e qual sua importância?

home
Seu imóvel

7 tipos de Fundos Imobiliários que você precisa conhecer!

home
Seu imóvel

Decoração 2022: veja as tendências e aplique na sua casa!