Planejamento Financeiro

Conheça os impactos de pagar à vista ou parcelado e reflita sobre suas compras

O que é mais interessante: pagar à vista ou parcelado? Descubra os impactos de ambos na sua vida financeira agora mesmo!

Você já parou para pensar a respeito de todos os fatores que envolvem uma compra? Depois de escolher um produto, o que já não é tão simples, é necessário definir o método de pagamento. Então, surge a dúvida: pagar à vista ou parcelado?

Quando o produto desejado tem um valor alto, isso significa que você terá que desembolsar um dinheiro considerável para finalizar a aquisição. Seja por meio de um pagamento à vista ou parcelado, a compra de alguns itens, como um imóvel, um carro, uma smart TV ou um computador, envolve um dinheiro razoável.

O fato é que ambas as formas de pagamento causam impactos na sua vida financeira. Quer entender melhor o assunto e conhecer as vantagens e desvantagens de parcelar uma compra ou pagá-la à vista? Continue a leitura e descubra!

Quando pagar à vista?

Existem situações específicas em que essa modalidade de pagamento deve ser escolhida. Se o produto estiver com uma porcentagem de desconto para pagamentos à vista, é preciso considerar essa opção. Mas a decisão jamais deve ser automática, pois não basta receber um desconto, você também precisa avaliá-lo.

Imagine que você queira comprar um smartphone com preço inicial de R$2 mil, por exemplo. Se o desconto ofertado pela loja for de 5%, talvez valha ou não a pena fechar o negócio. Caso a porcentagem não lhe agrade é necessário confirmar se o estabelecimento aceita algum parcelamento sem juros.

Se você estiver em uma loja física, lembre-se de tentar conseguir um desconto maior ao longo da conversa com o vendedor — mas tenha em mente que isso é possível, mas nem sempre realizável, pois, muitas vezes, aquele é o desconto máximo do momento.

De qualquer modo, o desconto não é o único fator que influência na compra à vista. Afinal, tal modalidade de pagamento exige a disponibilidade da quantia apresentada pela loja. Se você não criou uma reserva financeira para comprar aquele bem, certamente o pagamento à vista não é a melhor solução. Lembre-se de que o dinheiro utilizado não pode fazer falta ao restante do orçamento!

De um modo geral, o pagamento à vista tem algumas particularidades, como mostraremos a seguir.

Características do pagamento à vista

Ajuda a evitar dívidas

Em princípio, o ato de pagar à vista facilita o controle financeiro. Afinal, você não fica com nenhuma pendência com o fornecedor. Logo, não precisa se preocupar com as parcelas, que seriam geradas mensalmente até a quitação do débito.

Causa um sentimento de conquista

Exatamente por evitar o início de uma nova dívida, o pagamento à vista ocasiona um misto de alívio com conquista. Você se sente realmente poderoso, manifestando o tal famoso poder de compra.

Cria a necessidade de juntar o dinheiro

Como mencionado de maneira breve anteriormente, ter um fundo financeiro próprio é um dos requisitos para comprar à vista e evitar problemas. A criação e manutenção desse fundo precisa se tornar um hábito incorporado à vida de todas as pessoas.

A grande questão é que, se ele ainda não existir, faz-se necessário juntar o dinheiro antes da compra. Naturalmente, isso pode levar algum tempo. A espera, portanto, transforma-se em um aspecto negativo ligado ao pagamento à vista, inicialmente vantajoso.

Demanda um alto investimento

Caso você pretenda comprar um carro ou uma casa, o valor da reserva financeira deverá ser ainda maior. Suponha que você tenha, finalmente, acumulado o montante necessário para adquirir o bem. Por melhor que seja a oportunidade (e existem várias delas no mercado), é preciso pensar bem antes de liberar toda aquela quantia.

Injetar muito dinheiro em uma única transação comercial pode ser arriscado. Antes se fazer tal investimento, reflita cuidadosamente e determine se um parcelamento rápido (três ou quatro vezes) não seria mais recomendável.

Em quais momentos é melhor fazer uma compra parcelada?

O último ponto abordado acima ajuda a responder a essa pergunta. Afinal, se você pode realizar um parcelamento que será finalizado em pouco tempo, por que não optar por ele? O transtorno começa quando você precisa parcelar a compra em um período mais longo.

Vamos utilizar novamente um veículo ou imóvel como exemplos. Se você precisar adquirir o bem à vista e não tiver a soma total disponível, basta pagar aos poucos. Esse tipo de situação é importante para demonstrar que, com frequência, o parcelamento é inevitável. E, novamente, por mais que você tenha os recursos financeiros, isso não quer dizer que precisa gastá-lo de uma vez.

Características do pagamento parcelado

Aumenta o volume de compras

Dentro do seu limite orçamentário, você pode parcelar a compra de vários itens. Se não puder aguardar dois ou três meses para ter determinados produtos, o parcelamento resolve o problema.

Possibilita que a compra seja diluída em vários meses

Essa é uma vantagem e, simultaneamente, um risco — proporcional à extensão da compra parcelada. O ideal é que a aquisição de itens como geladeira, máquina de lavar, computador etc. seja parcelada em até 12 meses. Acima disso, só os bens duráveis mais caros, como veículos e imóveis.

Demanda grande planejamento financeiro

Acumular o dinheiro necessário para uma compra à vista também depende de um bom planejamento. No entanto, o desenvolvimento da reserva precede o gasto. Já o parcelamento prevê um planejamento financeiro mais amplo, o qual pode abranger um longo período da sua vida.

Compromete a sua renda

Você pode pensar que juntar dinheiro exige muito tempo. Isso é verdade, mas, ao menos, não compromete sua renda futura sem oferecer algum retorno — no caso, a soma de um montante a ser usado em muitas circunstâncias, incluindo as emergenciais.

A contrapartida do parcelamento é a aquisição de um bem, que fica sujeito às variáveis do tempo, acidentes, defeitos, necessidade de manutenção etc. Você pode ser surpreendido por tudo isso, enquanto a dívida permanece em aberto.

Se você passa a gastar com as parcelas da compra e com um eventual conserto, já terá um acréscimo no seu planejamento pessoal de despesas. Em alguns casos, imprevistos como esses são o suficiente para ultrapassar o limite estabelecido pelo orçamento.

Quais são os impactos para a saúde financeira dos dois pagamentos?

Como foi possível notar, a escolha do método de pagamento deve ser levada a sério. Devido à quantidade de aspectos associados aos diferentes métodos de compra, é aconselhável ponderar os prós e os contras de cada opção. Como mostrado, eles se moldam conforme as características da aquisição desejada.

Seja qual for a sua escolha, é primordial manter-se atento ao presente e ao futuro. Com a elaboração de um orçamento detalhado, você tem uma visão realista das suas condições financeiras. Assim, fica mais fácil saber quando pagar à vista ou parcelado. Além disso, você saberá o que fazer para conquistar suas metas e objetivos — inclusive na hora de investir com pouco dinheiro.

Para facilitar ainda mais a sua vida, baixe gratuitamente a nossa planilha anual de orçamento.
Planilha Anual De Orcamento Pessoal Tenha Uma Organizacao Mes A Mes Banner Artigo Blog

As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.