Os 7 segredos de como conseguir estágio

Quer conquistar a vaga de estágio dos sonhos? Veja dicas para aumentar suas chances de sucesso.
  • Atualizado em April 30, 2021
  • Publicado em April 30, 2021
  • Planejamento Financeiro

Além de ser obrigatório em alguns cursos, os estágios são parte importante da formação de qualquer profissional, que tem nessa etapa a oportunidade de colocar em prática tudo aquilo aprendido durante as aulas. Isso sem contar que esses postos podem ser uma fonte de renda importante para essa fase da vida universitária.

Para ajudar você a obter sucesso, indicamos neste post dicas valiosas de como conseguir estágio e otimizar a procura por aquela vaga que é a sua cara. Prossiga com a leitura e boa sorte!

1. Saiba onde você quer trabalhar

Uma boa forma de começar a procurar pela vaga ideal para seu perfil é listando as empresas que despertam seu interesse e que contam com programas de estágio. Além de ajudar na preparação, isso evita a perda de tempo de se dedicar a candidaturas em companhias que não privilegiam a criação de postos desse tipo.

Nessa listagem, inclua as informações básicas sobre os programas de estágio disponíveis e seus respectivos processos seletivos. Essa organização prévia ajuda você a se planejar e saber melhor o que é solicitado em cada vaga. Se for o caso, será possível correr atrás a tempo da exigência, competência ou habilidade específica solicitada.

Por fim, listar as empresas onde deseja estagiar não significa fechar as portas para outras oportunidades, mas evita o desperdício de energia com locais nos quais as chances são bem mais restritas, ou não estão alinhadas ao seu perfil e às suas ambições.

2. Conheça as principais competências solicitadas

No geral, as empresas privilegiam uma série de competências na hora de escolher um estagiário. E muitas delas não têm necessariamente a ver com conhecimentos técnicos adquiridos na faculdade. Por isso, é importante entender melhor quais são essas competências solicitadas para conseguir um estágio.

É bem provável que você perceba que muitas delas englobam aspectos comportamentais, como:

  • flexibilidade;
  • boa comunicação verbal ou escrita;
  • capacidade de trabalhar em equipe;
  • independência para tomar decisões de maneira certeira;
  • inteligência emocional para lidar com adversidades.

3. Adquira experiências relevantes

Ainda que o estágio seja a primeira experiência profissional da maioria das pessoas, durante o processo seletivo, para ocupar uma vaga do tipo, é comum que candidatos com outras vivências saiam na frente para preencher o posto.

Nesse sentido, quem ainda está na faculdade tem a missão de encorpar a sua lista de experiências relevantes. Elas não precisam necessariamente ter relação direta com a vaga desejada.

Trabalhos voluntários (dentro ou fora da faculdade), empregos temporários durante as férias e projetos de extensão desenvolvidos ao longo do curso dão a quem está começando uma carreira senso de utilidade e de pertencimento. Além disso, permite que sejam aprimoradas habilidades, principalmente emocionais e interpessoais, que, como vimos, são cada vez mais exigidas dos futuros estagiários.

4. Liste seus pontos fortes e fracos

Com tudo isso em mente, olhe para si e faça uma autoavaliação. Levante aquilo que você considera serem seus pontos fortes, que merecem destaque e são diferenciais, dos pontos fracos, que podem ser melhorados com o passar do tempo.

Essa autoanálise pode ser difícil. Por isso, para alcançar esse objetivo, observe-se em diferentes contextos ao longo de determinado período. Em seguida, procure perceber aquilo no que você se destaca, o que você consegue fazer bem-feito e de que forma isso pode ficar claro enquanto um diferencial no seu perfil diante de outras pessoas.

No sentido oposto, avalie em que pontos sua atuação em diversas situações pode deixar a desejar e quais motivos levam a tal insuficiência. Sempre vale reforçar que isso é normal e pode se tornar uma oportunidade para vislumbrar quais são os espaços para melhorias que, certamente, existem.

5. Capriche no currículo

Todo esse processo de acúmulo de experiências e de autoanálise permite a construção de um currículo sólido e que chame a atenção dos recrutadores para conseguir o estágio dos sonhos. Isso é essencial e aumenta em muitas suas possibilidades de sucesso, uma vez que esses profissionais avaliam centenas ou mesmo milhares de currículos em um tempo muito curto.

Diante disso, na hora de compor o seu currículo, a organização das informações na página deve ser sintética e reforçar os aspectos que você crê serem os mais chamativos.

Como tais informações podem mudar com a vaga pretendida, faça os ajustes necessários de acordo com o que está sendo solicitado. Esse cuidado torna o currículo menos genérico e com mais chances de chamar a atenção desejada.

Na parte visual, a recomendação é que o documento seja composto de, no máximo, duas páginas, em fonte com boa legibilidade e que mantenha a sobriedade. Por fim, tome cuidado com o português! Se for o caso, peça para alguém fazer uma revisão.

6. Mantenha a sinceridade nos processos seletivos

Por mais que você tenha vontade de estagiar em determinada empresa, não minta durante o processo seletivo. Isso engloba incluir experiências que não aconteceram, mencionar habilidades inexistentes ou mesmo engrossar a lista de conhecimentos com itens que não podem ser comprovados.

Tais inconsistências acabam com sua chance de conquistar a vaga de estágio. Basta que um dos recrutadores procure checar alguma das informações fornecidas para encerrar a trajetória do candidato que faltou com a sinceridade. Além do constrangimento, a atitude pode manchar sua reputação logo no começo de carreira.

7. Reforce seu networking

Trabalhar as conexões profissionais é indispensável mesmo para quem deseja uma vaga de estágio. E a expansão da sua rede de contatos pode começar mesmo na faculdade, com colegas e professores — já que muitos deles tem ampla inserção no mercado.

Ademais, frequente eventos (acadêmicos ou não) que reúnam outros profissionais da sua área de interesse. Esses espaços são ideias para o compartilhamento de experiências e ajudam você a ser visto e, posteriormente, lembrado para preencher novas oportunidades.

Manter redes sociais profissionais sempre atualizadas também é uma forma de reforçar o networking, já que esses meios são cada vez mais utilizados em indicações e processos seletivos.

Com essas dicas de como conseguir estágio, você já pode começar a pensar em estratégias de efetivação para quando conseguir a vaga desejada. Para isso, demonstre vontade de aprender, dedicação e flexibilidade para suprir novas demandas no ambiente profissional. Esses quesitos são valorizados pela maior parte das empresas e, de certo, serão considerados na transição do estágio para o posto efetivo.

Já que falamos sobre desenvolver habilidades e competências, que tal aproveitar a visita para conhecer plataformas online para estudar de casa? É uma ótima forma de começar!
As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
Mostrar comentários
Leia também
attach_money
Planejamento Financeiro

Quais são as 4 principais vantagens de abrir conta digital?

attach_money
Planejamento Financeiro

Quer saber como negociar as suas dívidas? Veja nossas dicas!

attach_money
Planejamento Financeiro

Entenda a importância da educação financeira infantil