Aumento de patrimônio: como conseguir com consórcio!

Quer aumentar seu patrimônio? Leia nosso post para aprender as melhores dicas para fazer isso com consórcio!
  • Atualizado em April 3, 2023
  • Publicado em April 3, 2023
  • Consórcio

O aumento de patrimônio gera segurança e estabilidade financeira. Venha descobrir como o consórcio pode contribuir para isso!

O patrimônio pessoal ou familiar é o conjunto de bens adquiridos ao longo da vida. Muito além de acumular ou conquistar conforto, isso significa gerar riquezas e garantir uma estabilidade financeira tanto para você desfrutar em momentos de maior dificuldade quanto para as próximas gerações.

Contudo, embora o aumento do patrimônio seja importante, é necessário ter planejamento financeiro e disciplina a longo prazo. A boa notícia é que você não precisa ganhar uma fortuna para isso. Continue acompanhando este conteúdo e descubra como realizar seus sonhos e se preparar para o futuro. Confira na sequência!

O que pode compor um patrimônio?

Um patrimônio é composto por direitos, obrigações e bens de uma determinada pessoa ou família. Além do dinheiro em espécie, imóveis, automóveis e itens de valor (como obras de arte), tudo o que se consegue transformar em recurso financeiro pode ser considerado parte de um patrimônio.

Assim, um consórcio, ações na bolsa de valores e até mesmo créditos em processos judiciais também entram nesse cálculo.

Qual a importância de buscar um aumento de patrimônio?

É muito comum que, ao conquistar uma boa condição de vida, as pessoas busquem conforto imediato sem se preocupar muito com o futuro. No entanto, é importante aproveitar os momentos de maior abundância para se preparar para o amanhã.

Afinal, a gente espera que você tenha uma vida próspera, mas nem sempre isso acontece, e podem aparecer momentos de dificuldade. Por mais dinheiro que você receba, ele sempre está sujeito a acabar.

Dessa forma, construir um patrimônio pessoal é algo considerável para garantir conforto e segurança para você e sua família a longo prazo — também, vale ressaltar, para possibilitar uma aposentadoria bem mais tranquila.

Ao construir um patrimônio, é possível passar por situações de crise e até mesmo transformar esses bens em dinheiro para investir em outras coisas, como na educação dos filhos, entre outros casos.

Como um consórcio pode ajudar a aumentar o patrimônio?

Os consórcios podem ser ótimos recursos para comprar ou construir imóveis. Nesse sentido, você pode aproveitar essa modalidade de aquisição para aumentar seu patrimônio de várias formas. Veja algumas ideias a seguir!

Adquirir ou construir imóvel para alugar

Você pode comprar um imóvel usado, na planta ou um terreno para edificar uma casa, por exemplo. Com o imóvel já construído, será capaz de ter uma renda extra com seu aluguel. Inclusive, poderá usar o aluguel do imóvel disponível para locação para quitar as parcelas vincendas do consórcio.

Adquirir ou construir imóvel para empreender

Qualquer das alternativas anteriores, a depender de seu caso, poderá ser empregada para que você monte um negócio e, dessa maneira, ter ainda mais dinheiro. Você pode ter uma casa comercial para a operação local de uma loja; ou um terreno para usar como estacionamento.

Construir um imóvel para vender

Outra boa ideia para aumentar o patrimônio é construir um imóvel para vendê-lo. Você poderá investir em um ou mais terrenos em locais promissores; em seguida, edificar uma casa ou um condomínio, por exemplo; e depois vender as unidades para os interessados.

Comprar e vender terrenos

Você também pode comprar terrenos em áreas de desenvolvimento, condomínios e loteamentos. Nesse cenário, vale a pena construir um imóvel do zero, vendê-lo e obter alta rentabilidade.

Multiplicar seus imóveis com o consórcio

É possível investir ainda em várias cotas de consórcio. Com um bom planejamento, você poderá usufruir de qualquer das propostas acima listadas e juntar capital suficiente para viver só dessa renda. Além disso, poderá reunir um patrimônio importante de vários terrenos, casas e/ou apartamentos.

O que é variação patrimonial?

Variação patrimonial consiste em qualquer acréscimo ou redução no patrimônio de um indivíduo dentro do período de um ano.

Isso acontece quando você adquire imóveis, aufere lucros ou contrai dívidas. Essa variação precisa ser informada na declaração de imposto de renda, mas não necessariamente será tributada. Dessa forma, se você contratar um consórcio, por exemplo, ele vai ser computado como aumento de patrimônio.

Quais são as variações patrimoniais?

Para quem está buscando construir um patrimônio pessoal, é necessário saber que a variação patrimonial está dividida em qualitativa e quantitativa.

Variação qualitativa

A variação qualitativa se refere a situações em que o montante que sai de sua posse não modifica o patrimônio, ou seja, não reduz seu valor.

É o caso de "trocas": compra de insumos, por exemplo. Nesse caso, o dinheiro foi aplicado para a compra de produtos que serão vendidos, recuperando o valor gasto. Chama-se de troca porque você despende uma quantia, mas ela volta para você de alguma outra forma.

Quando isso ocorre, o recurso gasto é considerado como variação patrimonial qualitativa e não modifica o patrimônio líquido.

Variação quantitativa

No caso da quantitativa, ocorre a entrada e saída de seus recursos de forma expressiva, gerando alteração do patrimônio líquido. O patrimônio líquido são todos aqueles bens (dinheiro, imóveis, automóveis etc.) e direitos que você possui, com dedução das suas obrigações (contas a pagar, dívidas, entre outros).

Sendo assim, a variação quantitativa se dá de forma tanto positiva — quando ocorre o aumento de patrimônio — quanto negativa — quando há saída de recursos que, nesse caso, não voltam para você, reduzindo o valor do seu patrimônio.

Como fazer esse cálculo?

Existe uma fórmula para calcular a variação patrimonial. Para isso, é necessário comparar a declaração do ano anterior e ter em mãos direitos, bens, despesas, dívidas e ônus reais referentes ao ano da declaração. Em outras palavras, seu aumento de patrimônio precisa ser compatível com o dinheiro que recebeu durante o ano.

Para não se arriscar a cair na malha fina, é importante lançar todos os valores registrados no fluxo de caixa para não acabar com uma variação patrimonial maior que os rendimentos líquidos.

Como facilitar a construção desse patrimônio?

Conquistar um aumento de patrimônio ao longo dos anos demanda disciplina e planejamento. Veja algumas dicas a seguir e conquiste sua estabilidade financeira!

Diminua seus gastos

É comum que quanto mais dinheiro ganhemos, mais despesas contraiamos. No entanto, para construir um patrimônio, é importante diminuir aqueles gastos dispensáveis.

É claro que você não precisa se privar de algum conforto para conseguir isso, mas muitos gastos podem ser abandonados em prol de um futuro mais confortável, não é verdade?

Faça um bom planejamento financeiro

O planejamento financeiro é fundamental para quem deseja um aumento de patrimônio. Você deve saber quais são suas despesas fixas e receitas para estabelecer metas de curto e longo prazo. Com isso, você vai conseguir ter uma noção realista da sua condição financeira e acompanhar sua evolução.

Aprenda a investir seu dinheiro

Dinheiro guardado sem critério vai se desvalorizando. Por isso, é importante investir esses recursos de forma que o capital gere rendimentos. Existem, é claro, várias maneiras de fazer isso — tudo vai depender do seu perfil e do montante que tiver disponível. Entre essas opções, investir em imóveis é uma das formas mais seguras de garantir que o capital não se deteriore com o passar do tempo.

Os consórcios também são ótimos investimentos, especialmente porque exigem uma disponibilidade menor do seu orçamento. Como se trata de uma despesa fixa, mês a mês, será mais fácil incorporar essa “fatia” a pagar no seu planejamento.

Evite contrair dívidas

As dívidas são bastante nocivas. Elas reduzem seu rendimento mensal e ainda podem dilapidar seu patrimônio a longo prazo.

É claro que aqui estamos falando de dívidas que não renderão retorno financeiro no futuro. Um consórcio de imóvel, por exemplo, é uma despesa mensal, mas não pode ser considerada dívida, já que, ao final, seu patrimônio será enriquecido com um bem ou uma carta de crédito.

Por outro lado, a compra de uma viagem não trará nenhum proveito econômico no futuro. Portanto, evite parcelar em muitas vezes.

O aumento de patrimônio é muito importante para sua saúde financeira. Portanto, desde cedo é necessário se preparar para isso e organizar suas finanças com foco no futuro. É muito bom saber que as oscilações do mercado e eventuais problemas que possam ocorrer ao longo da vida não comprometerão sua segurança ou da sua família.

Não espere mais para investir no seu futuro e na segurança das pessoas que você ama. Venha conhecer agora mesmo as vantagens do Consórcio Racon e comece a construir seu patrimônio!
As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
Mostrar comentários
Leia também
monetization_on
Consórcio

Como declarar consórcio no Imposto de Renda: passo a passo

monetization_on
Consórcio

Descubra como entrar em um consórcio: passo a passo prático!

monetization_on
Consórcio

Saiba como escolher o melhor consórcio em 8 dicas práticas