Seguro automotivo: descubra como funciona e os tipos

Saiba como funciona o seguro automotivo e conheça os principais tipos disponíveis no mercado!
  • Atualizado em October 25, 2022
  • Publicado em October 25, 2022
  • Seu carro

Não é segredo nenhum que, ao adquirir um novo automóvel, é importante pensar na segurança dele. Uma das formas mais comuns de se garantir a segurança de um veículo é com a contratação de um seguro. Para isso, preparamos este post falando sobre os principais tipos de seguros que existem no mercado.

Aqui, vamos abordar tudo o que você precisa saber antes de adquirir um seguro para o seu veículo. Explicaremos os principais tipos de seguros, vigência, renovação, vantagens e bônus.

Além de explicar, será possível também saber qual tipo de seguro é o ideal para as suas necessidades. Entendê-las é o primeiro passo para adquirir um seguro para o seu automóvel. Então, é importante adquirir o máximo de informações possível antes de contratar um seguro para o seu veículo.

Continue com a gente para se aprofundar mais sobre os seguros automotivos!

Quais os principais tipos de seguro automotivo?

Hoje existem diversos tipos de seguros para o seu veículo, cada um com vantagens, coberturas e franquias diferentes. Cada vez mais o seguro automotivo se torna algo extremamente importante, afinal, você nunca sabe quando pode acontecer algo.

O seguro automotivo nada mais é do que contratar uma empresa para que ela cuide do seu carro por você. Por exemplo, se você tiver uma pane elétrica no meio da estrada ou haja uma colisão com o seu veículo, o seguro está ai para socorrer você.

Mas, para isso, você deve contratar um seguro que abranja tais situações, então vamos falar um pouco sobre as principais opções do mercado?

Seguro contra furtos e roubos

Esse é o seguro mais básico, com cobertura apenas para crimes relacionados ao furto ou ao roubo do veículo. Costumam ser mais baratos por serem limitados a essas condições. O valor da apólice depende apenas do modelo e do ano do automóvel e não do perfil do motorista.

É importante ressaltar que esse tipo de seguro só pode ser acionado caso o carro não seja recuperado ou seja encontrado com mais de 75% de danos. Por isso, é importante analisar bem antes de contratar esse modelo de seguro.

Normalmente as seguradoras oferecem junto a esse seguro o serviço de rastreamento do veículo. Dessa forma, fica mais fácil e rápido de recuperar o automóvel. Esse modelo é indicado para quem não pode pagar por um seguro completo e trafega por lugares com altos índices de criminalidade.

Também é indicado para quem possui veículos que são mais visibilizados pelos criminosos, que normalmente focam em veículos populares com maior dificuldade de identificação.

Cobertura em desastres

Essa modalidade tem cobertura para calamidades, como raios, enchentes, nevascas, incêndios e explosões. São ocorrências que não dependem do condutor. A contratação é indicada para pessoas que trafegam em lugares com altos índices de ocorrências dessa natureza.

Caso você more em um local que tenha enchentes recorrentes em determinadas épocas do ano, esse é um bom exemplo que justifica a contratação dessa modalidade. Com ela, você poderá ter mais tranquilidade ao manter a integridade do seu patrimônio.

Indenização em perda total

Essa é a modalidade mais importante de um seguro, pois ela garante a você restituição total do valor do veículo. Porém, ela é adequada a casos específicos, em que o valor da restauração seja maior que 75% ou que o veículo não seja recuperado. Dessa forma, você estará prevenido de perder seu patrimônio em casos de sinistros, roubos, furtos e colisões.

Por isso, antes de contratar o seu seguro, verifique se ele oferece essa indenização, pois só por meio dela você terá a certeza de que seu patrimônio estará 100% protegido. E é também por isso que essa é a modalidade mais importante de se ter em um seguro automotivo.

Seguro de terceiros

Essa modalidade é voltada para danos causados a veículos de terceiros. Quando, por exemplo, em uma colisão com outro veículo é necessário o reparo do veículo no qual você colidiu. Nesse caso você poderá acionar o seguro para consertar o veículo do terceiro.

Essa também é um exemplo da cobertura contra furtos e roubos, que costuma ser mais em conta e voltada para quem quer evitar o prejuízo de arcar com indenizações a terceiros no caso de uma batida de carros.

Seguro de acidentes de passageiros

Esse seguro é obrigatório pela legislação brasileira de trânsito para quem trabalha com transporte de passageiros, como táxis, vans escolares e ônibus fretados. Ele não tem cobertura para danos causados ao veículo, mas sim aos danos causados aos passageiros.

É interessante ressaltar que nada impede de ser contratado por quem não trabalha com transportes de passageiros. Caso você costume conduzir muito seu veículo com a família e amigos dentro dele, esse seguro pode ser útil para arcar com os custos de um acidente no qual haja danos materiais ou à integridade física das pessoas que estão sendo transportadas por você.

Seguro compreensivo

Esse é o seguro mais completo que existe no mercado e o mais conhecido pelos brasileiros. Ao contratar esse serviço, ele possui quase todas as coberturas mencionadas acima. Também por isso é um seguro mais caro. Afinal, ele cobre quase todas as ocorrências que podem acontecer com o seu automóvel.

Ao contratar esse seguro, você também pode optar por alguns serviços extras, como guincho 24 horas, carro reserva e seguro dos acessórios.

O que é a vigência do seguro de carros?

A vigência do seguro de carros se trata do tempo em que a apólice de seguro está em vigor. Ela passa a valer a partir de 00:00 da data prevista no documento até as 00:00 do dia em que acaba a apólice. Por exemplo, se no documento está dizendo que a vigência é a partir do dia 10 de junho de 2022 e termina no dia 10 de julho de 2023, significa que, a partir de 00:00 da primeira data, o seu carro está segurado até as 00:00 da segunda data.

Quanto tempo dura a vigência do seguro?

Na maioria dos casos, a apólice tem 1 ano de vigência, mas isso não é uma regra, e pode variar para cada seguradora. Por isso, é importante verificar antes de assinar o contrato a vigência da apólice.

A seguradora pode cancelar o seguro?

Apesar da apólice de seguro ter um período de vigência, ambas as partes, tanto a seguradora quanto o segurado podem cancelar antes do prazo. A seguradora pode cancelar a apólice por inadimplência ou caso perceba alguma quebra dos termos de contrato.

Já o segurado pode cancelar a apólice a qualquer momento, desde que cumpra com as obrigações dos termos de rescisão.

Quais as vantagens de contratar um seguro automotivo?

Não há dúvidas de que há inúmeras vantagens de se contratar um seguro automotivo. Então vamos listar algumas delas:

  • Cuidar e preservar seu patrimônio: afinal, esse é o principal motivo para se contratar um serviço de seguro. Contratando o serviço correto você terá a certeza de que seu automóvel está protegido e de que você não irá perdê-lo;
  • Comodidade e tranquilidade: a grande maioria dos serviços de seguro oferecem a você suporte para vários tipos de ocorrência. Por isso, você terá mais comodidade quando precisar usar seu seguro e tranquilidade nas situações mais críticas;
  • Economia de tempo: imagine que seu carro pare de funcionar no meio da estrada. Quanto tempo você iria levar para procurar socorro? tendo um seguro, basta ligar para ser socorrido;
  • Responsabilidade social: ter um seguro garante que você conseguirá arcar com eventuais despesas em uma colisão de veículos. Isso significa que, caso venha a colidir o carro em outro veículo no qual o conserto seria muito caro, o seguro vai arcar com esses custos por você.

Quando o seguro deve ser renovado?

Para manter o seu carro assegurado, o ideal é renová-lo um pouco antes do vencimento da apólice. É aconselhado que você entre em contato com o seu corretor de seguros pelo menos 30 dias antes do vencimento. Assim, será possível negociar e ver os melhores planos e condições de renovar o seu seguro a tempo do atual expirar.

É importante ressaltar que, em alguns casos, não será possível renovar a sua apólice antes do prazo de expiração. Porém, quanto antes você entrar em contato com o seu corretor, menos tempo você ficará sem o seguro para o seu carro.

Como o seguro automotivo funciona para furto e roubo?

Como uma das modalidades mais baratas, o seguro contra furto e roubo só pode ser acionado nessas duas situações. É importante ressaltar que as duas são diferentes. O furto ocorre quando seu veículo é levado sem sua presença. Já o roubo é quando você é ameaçado de qualquer forma para que o criminoso leve seu carro.

Independentemente de qual seguro você contrate, seja ele o mais completo ou apenas contra furto e roubo, ele funciona da mesma forma, que é:

  • Caso seu veículo não seja recuperado dentro do período de vigência de sua apólice de seguro, o valor integral da tabela FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) será restituído;
  • Caso seu veículo seja recuperado com danos cujos reparos sejam inferior a 75% do valor da tabela FIPE, será feito o ressarcimento parcial do valor proporcional;
  • Caso seu veículo seja recuperado com danos cujos reparos equivalham a mais de 75% do valor do veículo na tabela FIPE, o segurado receberá o valor integral da tabela FIPE como ressarcimento.

É importante ressaltar, caso o seu seguro seja completo, o ressarcimento parcial pode não ocorrer, e sim o reparo do veículo em si. E também é importante atentar, independentemente de qual for o seu seguro, às clausulas de sua apólice para saber o que você tem de direitos nesses casos. Vale também lembrar que, para acionar o seguro contra furto e roubo, é necessário que seja feito um boletim de ocorrência.

Quais os bônus e vantagens para não sinistrados?

Caso você não registre sinistros durante a vigência da apólice de seu seguro, você pode ter descontos maiores na hora de renovar o seu seguro ou trocar de seguradora. Ainda por cima, a cada nova apólice sem registro de sinistros, melhores são os bônus e descontos.

O que é o bônus para veículos não sinistrados?

Na verdade, esse bônus é vinculado ao CPF (Cadastro de Pessoa Física) do condutor e não ao veículo, sendo assim, mesmo que você troque de veículo ainda terá direito ao bônus. Esses bônus são cumulativos, e a cada renovação de apólice eles melhoram ainda mais. Para ter direito, basta não registrar sinistros durante o período de vigência de sua apólice.

Como funciona o bônus para veículos não sinistrados?

A cada apólice cumprida sem sinistros registrados você ganha uma classe. Por exemplo, se você contratou sua primeira apólice de seguro por um ano, está na classe 0. Ao completar o período de vigência de sua apólice sem registrar sinistros, você sobe para classe 1. Consequentemente, quando for contratar a sua segunda apólice, ela será mais barata do que se você estivesse na classe 0.

As classes vão de 0 a 10, e quanto maior for a sua classe, melhores serão os descontos e as oportunidades de seguros que você terá. É importante ressaltar que, quanto mais apólices seguidas você não acionar o seguro, melhor para sua classificação. Você perderá uma classe para cada vez que precisar acionar o seu seguro, exceto quando por furto, roubo ou desastres.

Gostou? Aqui foi possível concluir o quão importante é contratar um seguro adequado para seu automóvel. Claro que se você puder contratar o seguro completo, esse com certeza é o mais indicado em qualquer situação. Mas sabemos que, às vezes, pode não caber no orçamento. Então, veja quais são suas principais necessidades e contrate o seguro automotivo mais adequado a elas.

Que tal continuar a leitura e entender o que é um sinistro? Separamos um post exclusivo para você se aprofundar mais sobre o assunto! Leia agora, saiba como funciona e entenda qual a sua importância!
As informações que constam nesse artigo podem sofrer atualizações sem aviso prévio.
Mostrar comentários
Leia também
drive_eta
Seu carro

Top 5 carros seminovos automáticos de 2024

drive_eta
Seu carro

Carros para jovens 2024: 13 dicas de veículos mais econômicos!

drive_eta
Seu carro

Lançamentos de carros em 2024: os 7 modelos mais esperados